Nos siga nas redes sociais

Brasil

Após protestos, Governo do AM decide autorizar reabertura do comércio a partir de segunda (28)

Estado registra aumento de casos e internações por Covid. Empresários e comerciantes também devem auxiliar na fiscalização do cumprimento de normas de segurança.

PortalPE10 com informações G1

Publicado

Manifestação acontece na noite deste sábado (26), na Avenida André Araújo. — (Foto: Rebeca Beatriz/G1 AM)

O governador do Amazonas, Wilson Lima, decidiu autorizar a reabertura do comércio não essencial a partir de segunda-feira (28). Lima tomou a decisão neste sábado (26), após diversas manifestações pela capital exigirem a suspensão do decreto que proibia abertura das atividades por 15 dias.

Ele se reuniu, de 22h às 2h, com representantes do comércio e deputados no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Empresários e comerciantes ficaram revoltados com a proibição de funcionamento neste fim de ano, já que a época é uma das rentáveis do ano.

O que muda a partir de segunda-feira (28):

  • estabelecimentos comerciais poderão abrir de 8h às 16h, de segunda a sexta-feira. Nos fins de semana, eles devem operar apenas por delivery ou drive-thru;
  • shoppings da capital devem funcionar de 12h às 20h, de segunda a sexta. Nos fins de semana, também devem operar apenas por delivery ou drive-thru;
  • bares, restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniência e flutuantes na modalidade restaurante devem funcionar pelo período de 6h diárias, somente até às 22h;
  • flutuantes estão proibidos de funcionar para locação;
  • realização de festas e eventos, tanto em espaços públicos quanto privados, permanecem proibidos;

Conforme Lima, mais detalhes sobre a flexibilização devem ser definidos neste domingo (27), e publicados no Diário Oficial. O governador ressaltou que empresários e comerciantes também devem auxiliar na fiscalização do cumprimento de medidas de segurança contra a Covid.

“Para evitar aglomeração no transporte público, terão máscaras disponíveis, além de álcool em gel. Dentro dos estabelecimentos comerciais foi reforçada a necessidade de ter apenas 50% de pessoas da capacidade, apoio médico para os funcionários que pegarem Covid-19 durante o vínculo trabalhista. Os membros dessas associações irão participar das fiscalizações na nossa CIF”, disse.

Ainda segundo o governador, empresários devem disponibilizar estruturas, como caminhão, para recolhimento de equipamentos que forem apreendidos em eventos e festas clandestinas. Eles também devem auxiliar o governo nas inserções comerciais em emissoras de TV para fazer o trabalho de conscientização sobre as normas de segurança.

“Esse nosso decreto começa a valer a partir de segunda-feira, até o dia 11 de janeiro. Se nós tivermos um nível menor, abaixo de 85% de ocupação de leitos de UTI, há possibilidade da gente aumentar a nossa flexibilização. No entanto, se a gente tiver um aumento desse percentual, a gente vai sentar pra reunir e entender quais novas decisões e restrições nós vamos adotar”, declarou.

A empresária Antônia Moura, representante dos salões de beleza, diz que viu na reunião um grande compromisso para salva-guardar vidas. Segundo a representante dos shoppings da capital, Josana Mundstock, as unidades vão continuar com o compromisso de manter todos os cuidados de prevenção ao novo coronavírus.

Também participaram da reunião representantes da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Amazonas (Fecomércio), Câmara de Dirigentes Lojistas do Amazonas (CDL-AM), Associação dos Empresários do Vieiralves, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), entre outros.

O Estado vivencia aumento de casos e internações por Covid desde setembro, mas o quadro piorou neste mês de dezembro. Segundo o governador, aglomerações clandestinas e atividades das eleições municipais foram responsáveis pelo avanço do contágio.

Até este sábado (26), mais de 5,1 mil pessoas morreram com a Covid-19 no estado, e quase 600 encontravam-se internadas. O governo informou que o Hospital Delphina Aziz, referência no tratamento da doença, opera com quase 100% dos leitos para Covid ocupados.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

‘Paulo Câmara tem todos os predicados para ser candidato a presidente’, diz Rodrigo Maia

Redação PortalPE10

Publicado

O ex-presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM – RJ), voltou defender o nome do governador de Pernambuco Paulo Câmara (PSB) para a presidência da República. Na avaliação do parlamentar, um governador do Nordeste pode vir a facilitar a construção de uma terceira via. O carioca chegou a afirmar que endossaria a sua candidatura.

“A minha tese é que nós deveríamos ter um governador do Nordeste encabeçando uma chapa e unificando todo mundo, com um vice do nosso campo (centro-direita) (…). Paulo Câmara tem todos os predicados para ser candidato a presidente, se o PSB não desorganizar esse jogo eu acho que é uma alternativa, porque ele dialogabem com todo mundo. (…) Se ele colocar o seu nome, eu serei um dos entusiastas para tentar construir um apoio junto com ele. Gosto e admiro”, disse Maia.

As declarações de Rodrigo Maia foram feitas na manhã desta terça-feira, durante entrevista ao programa Manhã da Clube, da Rádio Clube AM.

Sobre  esta terceira via para 2022, Maia disse que “Todo mundo tem que ter a compreensão de que todos esses (candidatos) estejam unidos com a convergência de uma agenda que consiga construir consensos. Depois, uma regra pra escolher um candidato. Se tiver três, quatro candidaturas de centro, é sinal que o centro já deve estar desgastado, e será difícil amenizar a polarização Lula x Bolsonaro”.

Quando perguntado sobre seu voto em um possível segundo turno entre Lula e Bolsonaro, o ex-presidente da Câmara afirmou que faria diferente de 2018. “No segundo turno, votei em Bolsonaro. Errei de acreditar que a política econômica do Paulo Guedes fosse aquilo que eu esperava… por tudo que o Brasil está passando e vivi por dentro na presidência da Câmara, é impossível que no segundo eu consiga votar em Bolsonaro contra Lula, contra Ciro, contra qualquer um que seja”, afirmou.

Continuar Lendo

Brasil

Camilla de Lucas devolve R$ 25 mil enviado por seguidor

Camilla de Lucas reclamou da atitude dos fãs de ficarem lhe mandando dinheiro por transferência bancária

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/TV Globo)

Camilla de Lucas, vice-campeã da 21ª edição do Big Brother Brasil, relatou um caso inusitado no Twitter. Nesta segunda-feira (10), a produtora de conteúdo informou que um seguidor lhe enviou R$ 25 mil por meio de uma transferência bancária, mas tratou rapidamente de devolver.

“Mano, um seguidor mandou 25.000,00 pra mim pelo PicPay e tô aqui devolvendo. Galera, parem de mandar grana pra participante de bbb, aqui fora a gente trabalha. Tem uma galera que de fato tá precisando de vakinha porque passa fome. Ele disse que mandou sem querer. Já devolvi. Os outros quem mandar eu vou juntar e doar. Não sei porque estão fazendo isso, que doideira é essa…”, explicou. As informações são do LeiaJá.

No último dia 4, Camilla de Lucas conquistou o segundo lugar do BBB21, em uma disputa ao lado de Juliette Freire, ganhadora da edição, e do ator e cantor Fiuk. O filho de Fábio Jr. conquistou a terceira posição.

Continuar Lendo

Brasil

Policial de Pernambuco é preso suspeito de matar flanelinha em Maceió

Redação PortalPE10

Publicado

Um policial penal, natural de Pernambuco, foi preso, nesta terça-feira (11), suspeito de ter praticado homicídio contra um flanelinha, no bairro da Pajuçara, em Maceió.

Segundo informações da Polícia Civil, o assassinato ocorreu no último dia 7 de abril, em frente a um hotel do bairro.

“A vítima tinha 29 anos e foi morta em plena via pública, mediante disparos de arma de fogo”, frisou a delegada Talita Aquino, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Ela afirmou, ainda, que o suspeito alegou, em seu depoimento, que a vítima queria furtar o celular dele.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10. Todos os direitos reservados.