Nos siga nas redes sociais

Sem categoria

Bélgica bate EUA por 2 a 1 e pega Argentina

Europeus somam recorde de finalizações e eliminam americanos em Salvador, 2 a 1, na prorrogação.

Avatar

Publicado

Jogadores de Bélgica e Estados Unidos disputam a bola na Arena Fonte Nova, em Salvador

A Bélgica entrou em campo nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova, em Salvador, para confirmar o seu favoritismo contra os Estados Unidos nas oitavas de final da Copa do Mundo. E como tem acontecido em quase todos os duelos desta fase, os belgas sofreram muito, em outro duelo dramático, para vencer os norte-americanos por 2 a 1 na prorrogação, após o 0 a 0 no tempo normal, garantindo assim a vaga nas quartas para encarar a Argentina, no estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, neste sábado, às 13 horas.

O destaque do duelo foi Lukaku, que saiu do banco na prorrogação para fazer os gols que a equipe tinha perdido durante toda a partida. Com a vitória, a Bélgica confirmou a força de sua nova geração e a passagem para as quartas de final do Mundial de todos os líderes dos grupos. Aos Estados Unidos, resta contabilizar mais um degrau na evolução do ritmo de jogo da equipe e de sua experiência para encarar grandes adversários.

O JOGO – Logo aos 40 segundos, o time belga mostrou ao que veio ao deixar Origi, que substituía Lukaku, na cara de Howard. O atacante chuto rasteiro para desvio do goleiro norte-americano para escanteio. Na cobrança, a zaga dos Estados Unidos afastou. Na sequência, a equipe europeia criou outra oportunidade com De Bruyne, que chutou prensado para ganhar novo escanteio. Os zagueiros norte-americanos afastaram novamente para fora da área

O confronto se mostrava muito aberto desde o início, com a Bélgica dominando as ações de criação no meio e encontrando espaço na intermediária dos Estados Unidos, que marcavam à distância. A partida ganhava ares de duelo truncado, com muita disputa no meio. Mas os belgas levavam vantagem quando aprofundavam o ataque com Hazard e Mertens, pelas laterais do campo.

Por sua vez, os comandados de Klinsmann tentavam responder nas bolas paradas. Aos 18 minutos, em jogada ensaiada, Dempsey chegou atrasado para conferir para o gol de Courtois. Na sequência, Bradley passou para Dempsey, que concluiu fraco para a defesa do belga. Na resposta europeia, De Bruyne, após jogada rápida de recuperação de Vertonghen, driblou Besler e concluiu para fora, perdendo a melhor chance do duelo até o momento.

Aos 25 minutos, outra chance aguda belga, com Vertonghen preferindo cruzar para o meio da área do que chutar direto. Beasley salvou quase em cima da linha. Em outro lance, o atacante Origi demorou para concluir e foi travado por Gonzalez. Aos 33, Jones chutou perto da meta de Courtois após bola bem arrumada por Dempsey, levando perigo ao gol belga. Cinco minutos depois, Van Buyten salvou o que poderia ser o gol norte-americano, em bom cruzamento de Yedlin. As chances criadas não eram convertidas e o domínio belga não surtia o efeito esperado. O duelo iria para o intervalo com o resultado aberto para as duas seleções.

Jogadores de Bélgica e Estados Unidos disputam a bola na Arena Fonte Nova, em Salvador

Na volta para a etapa final, as duas equipes se estudavam muito, demorando a furar a marcação. Até a Bélgica conseguir a primeira chance com Mertens, que assustou Howard em cabeçada após cruzamento de De Bruyne. No escanteio, a sólida defesa dos Estados Unidos, que contava com cinco defensores, afastou. Mas os belgas não desistiam. Aos 6 minutos, Fellaini arriscou de longe contra o gol de Howard.

Em nova descida rápida, aos 9 minutos, Hazard passou rápido para Vertonghen, que cruzou rasteiro para a área. A bola passou por De Bruyne e Origi perdeu mais uma chance clara de gol, perdendo o ponto de contato com a bola, já sem goleiro. Na sequência, Origi voltou a assustar Howard com uma cabeçada na trave. A pressão belga aumentava a cada minuto. Aos 11, Vertonghen obrigou o goleiro norte-americano a grande defesa com os pés. Na resposta dos Estados Unidos, Dempsey quase conferiu após bobeira entre Fellaini e Kompany.

 

Parecia que os belgas queriam definir o resultado antes de a partida ir para a prorrogação. Após outra boa jogada pela esquerda, Origi cruzou por baixo para Mertens concluir para fora Depois disso, o técnico Wilmots tirou o atacante do Napoli para colocar Mirallas, com a intenção de dar mais velocidade ao ataque belga.

Com a pressão do rival, a equipe de Klinsmann conseguia resistir bravamente e tentar algumas jogadas no contra-ataque, principalmente com Yedlin. Em uma delas, Courtois tirou o cruzamento da cabeça de Dempsey. Na resposta europeia, aos 23 minutos, em chute que passou raspando a trave de Howard, Witsel quase abriu o marcador para a Bélgica. Aos 26, em outra chance após jogada de habilidade de Mirallas, Origi concluiu fraco para boa defesa de Howard.

Aos 30 minutos, o primeiro “milagre” da partida. Em jogada de Hazard, Origi encontrou Mirallas sozinho entre os zagueiros. Na saída, Howard tirou com a ponta do pé a bola bem colocada do atacante belga. Após esta oportunidade, o duelo voltava a ficar muito aberto e a ganhar ares dramáticos no seu final, como com quase todas as oitavas de final deste Mundial, à exceção da vitória da Colômbia sobre o Uruguai.

Apesar da boa atuação de Howard, a Bélgica pressionava em busca do gol, que livraria a equipe de uma prorrogação desgastante. Em mais uma jogada na área norte-americana, Kompany encontrou Van Buyten entrando na área. O zagueiro do Bayern de Munique foi travado em cima da hora, com desvio para escanteio de Besler. Na sequência, em outra “pancada” de Origi, Howard espalmou para escanteio.

A Bélgica fazia um verdadeiro bombardeio contra o gol dos Estados Unidos, muito bem defendido por Howard. Aos 42, De Bruyne passou para Hazard entrar sozinho na área, pela esquerda. Mas o atacante do Chelsea chutou na rede pelo lado de fora. Na sequência, Kompany quase fez depois de receber passe rasteiro de De Bruyne. Howard mandou para escanteio.

No último lance do tempo normal, Wondolowski perdeu a chance do jogo para os Estados Unidos, quando recebeu na cara de Courtois após cabeçada de Jones. O atacante, que tinha entrado no lugar de Zusi, sentiu todo o peso da classificação nos seus pés e chutou para fora na saída do goleiro belga. As oitavas iriam mais uma vez para a prorrogação nesta Copa.

Logo no início da prorrogação, a Bélgica desencantou. Lukaku ganhou no tranco de Besler, saiu livre na entrada da área e rolou para trás. A zaga ainda desviou, mas De Bruyne dominou, tirou o bloqueio e concluiu no canto de Howard. Após o gol, os Estados Unidos saíram para o jogo e deixaram o contra-ataque para os belgas. Em duas oportunidades, uma com Vertonghen e outra com Lukaku, os europeus quase ampliaram. Aos 10 minutos, Lukaku recebeu de Hazard e outra vez Howard fez defesa sensacional. Os belgas buscavam resolver a partida e garantir a vaga nas quartas contra a Argentina. E resolveram com o próprio Lukaku, na devolução do presente de De Bruyne, que deixou o atacante livre para fuzilar no ângulo de Howard, já na grande área.

Lance de escanteio no jogo entre Bélgica e Estados Unidos na Arena Fonte Nova, em Salvador

No segundo tempo, os Estados Unidos foram com tudo para cima e logo no primeiro minuto, Green aproveitou bobeira da zaga belga e marcou para os norte-americanos, botando fogo no confronto. Na sequência, Wondolowski completou para fora um bom cruzamento de Yedlin. Aos 4, em outra jogada individual de Lukaku, Howard salvou em outra defesa espetacular com os pés. Mas aos 8, no que poderia ser o empate do duelo, em jogada ensaiada perfeita, Dempsey deixou a bola escapar e concluiu em cima de Courtois. A Bélgica pedia para a partida acabar. Os norte-americanos ainda fariam algumas jogadas aéreas, mas a vitória ficou com os belgas.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem categoria

Mutação da Covid-19 fecha fronteiras e acende novo alerta às vésperas do Natal

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Divulgação/Getty Imagens)

O alerta veio do Reino Unido, que classificou como “fora de controle” uma variação do novo coronavírus, em uma cepa que indica ser muito mais contagiosa do que a que se disseminava até então no país.

O sinal amarelo provocou uma reação em cadeia, com diversos países anunciando restrições a viajantes oriundos do Reino Unido e de outras nações onde há indicativos ou casos confirmados dessa mutação da Covid-19.

Em solo britânico, o primeiro-ministro Boris Johnson fez um recuo brusco na reabertura do país e anunciou uma série de novas restrições, a fim de conter a disseminação do novo coronavírus.

O primeiro-ministro vinha indicando que iria no sentido contrário, flexibilizando as orientações com a proximidade das festas de final de ano. “Isso agora está se espalhando muito rápido”, alertou Johnson. “É com o coração muito pesado que digo que não podemos continuar com o Natal como planejado.”

Como quase tudo que diz respeito à pandemia, as decisões políticas estão tendo de ser tomadas com o carro andando, quando ainda não se sabe tudo a respeito dos desafios pela frente. Até agora, o panorama é de uma contaminação mais rápida, mas não mais mortal ou imune a uma vacina.

“Existe alguma evidência de que esta cepa pode ser mais infecciosa. Não há evidência de que seja mais mortal e não há evidência de que será mais resistente a uma vacina”, resumiu, em entrevista à analista da CNN Abby Philip, o médico Ashish Jha, da Escola de Saúde Pública da Universidade de Brown.

Origem e disseminação
Em entrevista à rede britânica BBC nesse domingo (20), a líder técnica da Organização Mundial da Saúde (OMS), Maria Van Kerkhove, afirmou que os dados atuais indicam que a nova variante surgiu na Inglaterra, entre o sudeste do país e a capital, Londres.

Maria afirmou que casos de Covid-19 causados pela cepa mais contagiosa foram verificados na Dinamarca, na Holanda e na Austrália. No final do domingo, ao menos um caso já havia sido registrado também na Itália.

O final de semana se encerrou com crescentes anúncios de países impondo restrições de viagem a passageiros oriundos do Reino Unido.

A Holanda adotou uma das restrições mais longas, decidindo que voos oriundos do Reino Unido estarão impedidos de pousar no país até o final de 2020. O governo holandês afirmou que a cepa foi identificada em um paciente, diagnosticado no início de dezembro, e que está investigando se há outros casos.

Continuar Lendo

Sem categoria

Suspeitos de matar adolescente de 13 anos por causa de R$ 10,00 são presos em Caruaru

Os dois suspeitos foram levados para Delegacia de Polícia Civil de Bezerros onde prestam depoimento.

Redação PortalPE10

Publicado

Menina de 13 anos foi encontrada com ferimento no pescoço em Encruzilhada de São João.

Os suspeitos de matar uma adolescente de 13 anos em Encruzilhada de São João, em Bezerros, no Agreste de Pernambuco, foram presos nesta sexta-feira (18), em Caruaru. Segundo a Polícia Civil, um dos homens assumiu que teria matado a menina por causa de R$ 10.

Ainda de acordo com a polícia, a vítima, que tinha envolvimento com droga, comprou maconha ao suspeito. A polícia está investigando se o outro homem teve participação no crime.

Os dois suspeitos foram levados para Delegacia de Polícia Civil de Bezerros onde prestam depoimento.

Continuar Lendo

Mata Sul

Em São Benedito do Sul, Paulo Câmara entrega restauração da APE-48 e anuncia obra de abastecimento de água

Governador inaugurou o novo acesso, totalmente requalificado, e anunciou obra hídrica que vai eliminar o rodízio de abastecimento no município.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Douglas Fagner/SEI)

SÃO BENEDITO DO SUL – O governador Paulo Câmara esteve, na manhã desta quinta-feira (17.12), neste município da Mata Sul de Pernambuco, onde inaugurou a total restauração da APE-48, com o novo acesso à cidade, e anunciou o projeto de construção da barragem de nível no Riacho Bom Destino, além de uma estação elevatória de água bruta. A ação na rodovia, que contempla um trecho de 3 km de extensão, faz parte do programa Caminhos de Pernambuco, e teve um investimento de cerca de R$ 1 milhão.

“Estamos inaugurando o novo acesso da APE-48. São três quilômetros totalmente recuperados, um pleito da prefeitura. Agora, a gente vai iniciar uma nova etapa de uma obra que também é fundamental, que vai acabar com qualquer tipo de rodízio no abastecimento de água aqui em São Benedito do Sul. Vai haver a licitação e a gente quer, no máximo em março, iniciar a obra, para que no segundo semestre São Benedito já esteja totalmente livre de rodízio. É mais uma obra importante que vai se juntar a tantas outras que temos feito em parceria com o município”, afirmou Paulo Câmara.

Foram realizados na rodovia serviços de limpeza dos dispositivos de drenagem e recapeamento da pista, além da sinalização vertical e horizontal, incluindo tachas luminosas para garantir a segurança na trafegabilidade no período noturno. As obras foram executadas de setembro a novembro deste ano.

A secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, destacou o potencial turístico de São Benedito do Sul e afirmou que novo acesso totalmente requalificado vai melhorar ainda mais essa vocação. “Esse investimento de R$ 1 milhão, em que três quilômetros foram totalmente reconstruídos, além da sinalização feita, vai melhorar a vida dos moradores e de quem passa por aqui. O governador também autorizou novos investimentos para retirar o município do rodízio de abastecimento de água. Essa obra vai ser iniciada no primeiro semestre de 2021 e vai ser concluída no segundo semestre”, ressaltou.

O caminhoneiro Alexandro Campos da Silva, de 45 anos, faz o trajeto pela via todos os dias. Para ele, depois da restauração, a estrada ficou bem melhor. “Agora melhorou nosso tempo de viagem, porque tem menos buraco para desviar. Além disso, também melhorou a iluminação e sinalização, então temos mais segurança no caminho”, avaliou.

MAIS ÁGUA – O projeto de construção da barragem de nível no Riacho Bom Destino, anunciado pelo governador, inclui ainda uma estação elevatória de água bruta, com vazão de 19 litros por segundo, a reforma da Estação de Tratamento de Água (ETA) e a instalação de um macromedidor para controle da vazão de água na ETA. Na prática, será possível eliminar totalmente o rodízio da cidade e as pessoas vão receber água todos os dias, 24 horas por dia. A obra, que terá um investimento de R$ 315 mil, beneficiará cerca de 14 mil habitantes.

O diretor Regional do Interior da Compesa, Mário Heitor, explicou que a captação que era feita no riacho Água Fria sofria um problema de intermitência ao longo do ano. “O rio secava e a gente parava o abastecimento da cidade, que hoje fica 24 horas sem água. Com essa captação agora, no riacho Bom Destino, a gente vai conseguir ter uma continuidade no abastecimento da cidade e beneficiará toda a população de São Benedito do Sul”, disse o gestor, complementando que a obra terá duração de quatro meses, após a licitação.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.