Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Com mais 22 médicos, programa atinge meta e leva 569 médicos para Pernambuco

Com a chegada deste novo grupo, o estado passa a ter 100% da sua demanda atendida pela iniciativa do governo federal.

Avatar

Publicado

O Programa Mais Médicos leva mais 22 profissionais para reforçar o atendimento em atenção básica em Pernambuco. Com a chegada deste novo grupo, o estado passa a ter 100% da sua demanda atendida pela iniciativa do governo federal, o equivalente a 569 médicos. A atuação desses profissionais impacta na assistência de mais de 1,9 milhões de pessoas.

Em todo o país, mais de 3.500 médicos começam suas atividades nos municípios a partir desta semana. Deste total, 253 estão alocados na região Nordeste. Eles foram aprovados no módulo de avaliação do programa, etapa obrigatória para que recebam o registro profissional provisório e iniciem o atendimento à população. O reforço desse grupo garante o cumprimento da meta estabelecida pelo governo federal de levar 13.235 médicos para a atenção básica, especialmente às regiões mais vulneráveis. Com isso, 100% das vagas apontadas pelos municípios que inicialmente aderiram ao Programa passam a ser atendidas.

“Com esse programa, estamos conseguindo prestar atendimento a uma quantidade muito maior de pessoas, com maior qualidade, tratar o povo com dignidade e com mais respeito. A grande maioria dos brasileiros que estamos atendendo nunca teve contato com uma equipe de saúde da família completa”, ressalta o Ministro da Saúde, Arthur Chioro, em nota.

Mais de 75% dos 13.235 médicos estão alocados em regiões como o semiárido nordestino, periferia de grandes centros, municípios com IDHM baixo ou muito baixo e regiões com população quilombola, entre outros critérios de vulnerabilidade. Em relação à distribuição por região, o Sudeste e o Nordeste concentram o maior número de profissionais, com 4.170 e 4.147 médicos respectivamente. O Sul conta com 2.261, seguido do Norte (1.764) e do Centro-Oeste (893). Outros 305 médicos estão atuando em distritos indígenas.

Desde o início do programa, a presença dos profissionais que estão em atuação em todo o país já traz resultados positivos na assistência à população. Um levantamento do Ministério da Saúde feito em municípios que receberam profissionais do Mais Médicos mostrou que, em novembro de 2013, houve um crescimento de 27,3% no atendimento a pessoas com hipertensão em comparação com o mês de junho do mesmo ano, antes da chegada dos profissionais.

Houve aumento ainda, neste mesmo período, de 14,4% na assistência a pessoas com diabetes, de 13,2% no número de pacientes em acompanhamento e de 10,3% no agendamento de consultas. Nas cidades que contavam com médicos do programa foram realizadas 2,28 milhões de consultas em novembro, 7% mais que o total registrado em junho. O levantamento foi feito em 688 municípios onde atuavam 1.592 médicos.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Bolsonaro: “Vacina é do Brasil, não é de nenhum governador”

Presidente afirmou que governo federal fará aquisição de todos os imunizantes que estiverem disponíveis.

Redação PortalPE10

Publicado

Presidente Jair Bolsonaro fala à imprensa ao chegar no Palácio da Alvorada

Em conversa com apoiadores na manhã desta segunda-feira (18), o presidente Jair Bolsonaro comentou a aprovação das vacinas contra a Covid-19 e rebateu quaisquer afirmações de que imunizantes sejam vinculados a governadores ou a estados. Na conversa, o líder disse que as vacinas são “do Brasil”.

– A Anvisa aprovou, não tem o que discutir mais. Havendo disponibilidade no mercado, a gente vai comprar e vai atrás de contratos que fizemos também, que era para ter chegado a vacina aqui. Então, tá liberado a aplicação no Brasil e a vacina é do Brasil, tá? Não é de nenhum governador não, é do Brasil – afirmou.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou, no domingo (17), o uso emergencial de duas vacinas: a Coronavac, desenvolvida no Brasil pelo farmacêutica chinesa Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantan, ligado ao governo paulista, e a vacina de Oxford/AstraZeneca, produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Imediatamente após a autorização da agência reguladora, o governo paulista vacinou a primeira brasileira em território nacional. A enfermeira Mônica Calazans, 54 anos, imunizada na tarde de domingo. Em coletiva à imprensa, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, criticou o governador João Doria e chamou a ação de “jogada de marketing”.

– O Ministério da Saúde tem em mãos, neste momento, as vacinas, tanto do Butantan quanto da AstraZeneca. Nós poderíamos, tanto num ato simbólico quanto numa jogada de marketing, iniciar a primeira dose em uma pessoa, mas em respeito a todos os governadores, prefeitos e todos os brasileiros, o Ministério da Saúde não fará isso. Não faremos uma jogada de marketing – disse.

*Com informações Pleno News.

Continuar Lendo

Cotidiano

Pai acusado de estuprar filha de 12 anos em Catende é preso pela Polícia Civil

De acordo com a polícia, a denúncia foi feita pela mãe da criança.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/PortalPE10)

A Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) prendeu na manhã desta segunda-feira (18), por meio de mandado de prisão, um homem acusado de estuprar a filha de 12 anos, em Laje Grande, distrito de Catende, na Zona da Mata Sul de Pernambuco.

Segundo a Polícia Civil, a prisão do homem de 31 anos ocorreu por volta das 11h da manhã. A denúncia do abuso foi realizada pela mãe da menina no dia 02 de janeiro de 2021.

O acusado foi preso em uma localidade conhecida por Vila de Santana, que fica na zona rural de São Joaquim do Monte, no agreste pernambucano, após os procedimentos ele foi levado até a sede da Delegacia de Polícia de Palmares.

O homem vai passar por audiência de custódia na manhã de terça-feira (19) e deve ser encaminhado para o Presídio Rorenildo da Rocha Leão, caso seja condenado, poderá pegar de 08 a 15 anos de reclusão.

 

Continuar Lendo

Cotidiano

Pernambuco vacina primeira pessoa contra Covid-19 nesta segunda (18)

Os primeiros a receber o imunizante serão profissionais da saúde do Huoc (Hospital Universitário Oswaldo Cruz).

Redação PortalPE10

Publicado

Vacina CoronaVac – (Foto: Governo do Estado de São Paulo/Divulgação)

As primeiras doses da vacina contra a Covid-19 devem chegar ainda nesta segunda-feira (18) em Recife, capital pernambucana. Após a chegada do imunizante, o Governo do Estado deve iniciar imediatamente a imunização, a começar pelos profissionais de saúde do Huoc (Hospital Universitário Oswaldo Cruz).

O prefeito do Recife, João Campos, anunciou que a primeira pessoa vacinada será um profissional que trabalha na linha de frente do combate ao coronavírus. No dia 25 de fevereiro de 2020, o hospital recebeu o primeiro caso suspeito da doença na cidade.

“A primeira vacina em Pernambuco e no Recife será no Huoc (Hospital Universitário Oswaldo Cruz), com trabalhadores da Saúde que, desde o início da pandemia, estão ajudando a salvar vidas e, com coragem, estão na linha de frente desta pandemia. Ainda hoje (18/1), o governador Paulo Câmara participará deste momento”, disse João Campos.

Vacinas em Pernambuco

O primeiro lote de vacinas contra a Covid-19 deve chegar em Pernambuco às 19h40 desta segunda-feira em um voo da companhia aérea Latam, no Recife. A chegada deve ser acompanhada do Governador Paulo Câmara e dos membros do Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus.

*Com informações NE10 Interior.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.