Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Criança morre eletrocutada em PE

O acidente aconteceu na manhã desta terça-feira e o paciente deu entrada na unidade de saúde às 9h50.

Avatar

Publicado

Uma criança morreu eletrocutada no município de Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife (RMR). Diogo José da Silva Moraes, de 10 anos, já chegou sem vida à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Engenho Velho – Carlos Wilson, na Rua General Manoel Rabelo, em Jaboatão.O corpo está sendo encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife.

O acidente aconteceu na manhã desta terça-feira e o paciente deu entrada na unidade de saúde às 9h50. As primeiras informações, ainda não confirmadas, são de que o menino teria sofrido a descarga elétrica ao encostar em um poste, podendo ser mais uma vítima de tragédias causadas por acidentes com postes com vazamento de corrente elétrica e fios expostos no Grande Recife. Desde 2008, outras 113 pessoas morreram por descargas elétricas na rede pública de fiação, segundo relatório da Agência de Regulação de Pernambuco. 

No sábado passado, por um triz Raul Dantas de Lima, 19 anos, não entrou para as estatísticas. Em casa, após passar dois dias hospitalizado no Hospital Geral de Areias, Raul não consegue se lembrar dos instantes em que sofreu após levar um choque na Rua Campanha, na comunidade Dancing Days, bairro da Imbiribeira, na madrugada do último sábado. Ele voltava de um jogo de futebol e sua bicicleta bateu em uma fiação solta em meio à escuridão da via, que estava sem energia justamente por causa do rompimento do fio. Mas as queimaduras de terceiro grau não o deixam esquecer de agradecer por ainda estar vivo.

De acordo com o apontador da construção civil e morador da Dancing Days, Alex Alcântara, 36 anos, este foi é o segundo acidente desse tipo em dez anos na Rua Campanha, onde, segundo ele, a rede elétrica não recebe manutenção há pelo menos duas décadas. “Eu sei que muitos moradores fazem ligações clandestinas. Mas moro aqui desde que nasci e sei que esses fios estão todos velhos. Qualquer chuva ou vento forte parte os fios, que ficam soltos no chão”, denuncia.

Segundo o morador, a quebra da fiação é frequente. “Os moradores precisam ficar acordados para alertar quem estiver passando”, conta. O morador conta que na madrugada do dia 8 a Celpe foi avisada à 1h e chegou às 5h50. Procurada pelo Diario, a companhia se limitou a dizer que “enviou equipe ao local e constatou a existência de diversas ligações clandestinas na localidade”.

Outros casos recentes de mortes :

12 de junho de 2013
O advogado e baterista Davi Santiago, 37 anos, morreu após ser eletrocutado em um fio desencapado no bairro de Setúbal

22 de junho de 2013
Nilson Inácio Torres, 59 anos, morreu após tocar em um poste de metal na Avenida de Carvalho

28 de outubro de 2013
Davi Francisco Lopes de Freitas, 10 anos, morreu após levar choque ao pular muro de subestação da concessionária no bairro de Paratibe, Paulista

12 de dezembro de 2013
Morre um adolescente de 15 anos bate com uma haste de ferro em fio de alta tensão no Alto José do Pinho, no Recife

9 de janeiro de 2014
Ênio Marcondes, 11 anos, encostou em fio caído no chão, em Pau Amarelo, e morreu eletrocutado. O acidente aconteceu por volta das 13h25, na Rua Iran, no Loteamento Conceição, na PE-22


Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cotidiano

Novo lote com 1.410 doses da vacina contra covid deve chegar em Palmares

Pernambuco recebeu mais 255.150 doses de vacinas contra a Covid-19.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/PortalPE10)

Uma nova remessa de doses das vacinas contra a covid-19 deve chegar à Palmares, na Mata Sul nos próximos dias, isso porque o 13º lote de vacinas contra a Covid-19 chegou a Pernambuco na madrugada da última sexta-feira (16).

Conforme a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) informou das novas doses recebidas em Pernambuco, 102.400 são de CoronaVac/Butantan e 152.750 de Oxford/AstraZeneca. Com esse novo quantitativo, o estado totalizou 2.276.080 doses de imunizantes contra a Covid-19 recebidas, sendo 1.742.360 da Coronavac/Butantan e 533.720 da Astrazeneca/Fiocruz.

Nesta etapa da campanha, devem ser imunizadas pessoas a partir dos 60 anos de idade (de acordo com o município), idosos e pessoas com deficiência abrigados em instituições, população indígena aldeada, povos e comunidades quilombolas tradicionais, trabalhadores de saúde e trabalhadores de forças de segurança e salvamento.

(Foto: Reprodução/PortalPE10)

 

Continuar Lendo

Brasil

Bolsonaro diz que tomará vacina por último: “Há muita gente apavorada”

Presidente afirma que não tem presa em se imunizar e que cederá seu lugar a quem deseja se submeter logo à vacinação.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Crítico da vacina contra a Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, na noite dessa sexta-feira (16/4), que pretende se vacinar “por último”, pois “há muita gente apavorada” esperando pela imunização. Ele tem 66 anos e já está apto para receber a vacina no Distrito Federal desde o dia 3 de abril. As informações são do Metrópoles.

“O que acontece, tem muita gente apavorada aí aguardando a vacina, então deixa as pessoas tomarem na minha frente. Vou tomar por último. Eu acho que essa é uma atitude louvável. Porque tem gente que não sai de casa, está apavorado dentro de casa”, disse o presidente a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada.

O chefe do Executivo federal, no entanto, já reiterou dezenas de vezes que não se imunizaria e fez algumas investidas contra a vacina.

Ao menos, três membros do alto escalão do governo federal já se vacinaram: o vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB); o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o ministro do GSI, Augusto Heleno.

Bolsonaro é o único presidente do G20, grupo que reúne as economias mais ricas do mundo, a ter negado, repetidas vezes, a hipótese de se vacinar.

Continuar Lendo

Brasil

Vídeo: Crianças eram usadas em ritual de sacrifício para “acabar” com pandemia no Pará

Segundo os investigadores, três crianças envolvidas no ato foram resgatadas pelo Conselho Tutelar e encaminhadas para cuidados em um abrigo.

PortalPE10 com informações G1

Publicado

(Foto: Reprodução)

Um grupo de crianças, que estava sendo usado em um ritual religioso por uma família, foi resgatado pela Polícia Civil, na cidade de Bragança, nordeste do Pará. Conforme informações de testemunhas, no final da cerimônia macabra, as crianças seriam sacrificadas.

Ainda de acordo com pessoas que viram o ato, o objetivo do ritual seria “acabar” com a pandemia do coronavírus. As informações são do G1.

Nas imagens postadas nas redes sociais é possível ver pessoas rezando em volta de crianças, que, assustadas, gritam e choram. Ao redor, outras pessoas tentam impedir, mas são afastadas pelo grupo que praticava o ritual.

Conselho Tutelar

Acionada, a Polícia Civil foi ao local. Segundo os investigadores, três crianças envolvidas no ato foram resgatadas pelo Conselho Tutelar e encaminhadas para cuidados em um abrigo. Não foi divulgado o estado físico e psicológico das crianças.

A Polícia Civil informou, ainda, que está investigando o caso por intermédio da Superintendência Regional do Caeté, para identificar todos os envolvidos. Os policiais não confirmaram nenhuma prisão.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10. Todos os direitos reservados.