Nos siga nas redes sociais

Política

Em acordo com João Lyra,Eduardo Campos anuncia R$ 241 milhões para ajuda a municípios

Apesar de deixar o governo dentro de menos de um mês, o governador socialista informou que aprovou verba de R$ 241 mi

Avatar

Publicado

lyra

O governador  de Pernambuco, Eduardo Campos, acaba de anunciar, no encontro de prefeitos, no Centro de Convenções, em Olinda, mais verbas para os cofres municipais. Entre os prefeitos, já havia essa expectativa de que o novo Fundo Estadual de Apoio aos Municípios (FEM) fosse anunciado na abertura do Congresso dos Municípios, nesta segunda-feira (17).

Apesar de deixar o governo dentro de menos de um mês, o governador socialista informou que aprovou uma verba de R$ 241 milhões para o FEM. No ano passado, o volume de recursos repassado para o FEM somou R$ 221 milhões.

Eduardo Campos fez questão de frisar que fechou o valor em uma reunião na sexta-feira  passada com o vice-governador João Lyra, que assume o governo com a sua desincompatibilização para disputar a Presidência da República, a partir de abril.

Eduardo Campos também prometeu que os recursos seriam repassados logo e que a burocracia seria mínima.

O governo tem pressa porque 2014 é ano eleitoral e os prazos são mais curtos.
“Se Eduardo Campos anunciar mais rápido, fica mais distante da eleição para não dar uma conotação política”, observou, ainda em fevereiro, o prefeito de Cumaru, Eduardo Tabosa.

Há dois meses, o governo de Pernambuco alertou os prefeitos do Estado sobre o prazo de conclusão das obras que receberam recursos do FEM.

De acordo com a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), os números eram “preocupantes”, pois mais da metade dos planos de trabalho estavam com menos de 60% das obras executadas.

As obras pactuadas devem ser concluídas até 30 abril. Porém, até então, dos 454 planos de trabalhos que recebem recursos do FEM, apenas 145 (43%) estavam com 60% ou mais das obras executadas. Só quando atingem esse patamar, os prefeitos podem enviar uma declaração e solicitar a vistoria das obras para, então, receberem o pagamento da terceira parcela do fundo. A quarta parcela só é paga no término das obras e com a prestação de contas apresentadas.

“A gente está bem preocupado com esse número porque temos um prazo para conclusão dessas obras. Caso tenha o FEM 2014, o pagamento só poderá ser feito quando essas obras tiverem concluídas. Tem que correr porque é um ano eleitoral e repasse para município só pode ser feito até junho”, avisou a Seplag aos prefeitos no começo do ano.

Preocupados com a inviabilização de um segundo FEM devido ao possível não cumprimento do prazo, a Associação dos Municípios de Pernambuco (Amupe) chegou a deliberar pela a criação de uma “comissão de sondagem” para debater a questão com o governador Eduardo Campos (PSB).

Os prefeitos Adenilson Pereira (Salgadinho), José Evilásio (Taquaritinga do Norte), Eduardo Tabosa (Cumaru) e José Patriota (Afogados da Ingazeira) ficaram encarregados de fazer a consulta ao governador.

O secretário da Fazenda e pré-candidato à sucessão estadual, Paulo Câmara (PSB), já foi citado em evento realizado na sede da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe).

conteúdo NE1O

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Polícia Federal usará drones para flagrar crimes de boca de urna nas eleições municipais de 2020

Marcelo Passos

Publicado

Urnas eletrônicas - (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Urnas eletrônicas – (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Nas eleições municipais de novembro, a Polícia Federal (PF) deverá usar drones para prevenção e repressão de crimes eleitorais como boca de urna e transporte irregular de eleitores.

De acordo com o órgão, mais de 100 aeronaves pilotadas remotamente deverão ser alocadas em municípios considerados estratégicos, em todos os estados. A intenção é que os equipamentos sobrevoem as zonas eleitorais de modo a inibir e flagrar a prática de condutas vedadas nos dias de votação.

Segundo a PF, os drones possuem câmeras capazes de realizar zoom suficiente para identificar suspeitos, placas de veículos, entregas de santinhos e situações de compra de votos, com imagens de alta nitidez.

Imagens

As imagens capturadas – Polícia Federal usará drones para flagrar crimes – serão transmitidas a uma equipe da PF que estará preparada para monitorar todas a eleição em todo território nacional, determinando a adoção as medidas cabíveis diante de atividades suspeitas, informou o órgão.

O primeiro turno das eleições municipais está marcado para 15 de novembro. O segundo turno, onde houver, ocorrerá em 29 de novembro. O horário de votação será sempre das 7h às 17h, no horário local.

Continuar Lendo

Política

Eleições 2020 – TSE lança tira-dúvidas no WhatsApp

O tira-dúvidas funciona por meio de um chatbot ou bot (assistente virtual)

Marcelo Passos

Publicado


Para ajudar a tirar dúvidas dos eleitores, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou um assistente virtual que funciona pelo aplicativo do WhatsApp. Chamado de “Tira-Dúvidas Eleitoral no WhatsApp”, o recurso foi lançado com o objetivo de facilitar o acesso do eleitor a informações relevantes sobre as eleições municipais de 2020 e reforçar o combate à desinformação durante o período eleitoral.

O tira-dúvidas funciona por meio de um chatbot ou bot (assistente virtual), como também é chamado, que traz informações sobre diferentes temas de interesse do eleitor, desde cuidados com a saúde para votar, informações sobre dia, horário e local de votação até dicas para mesários e informações sobre candidatura, entre outros temas.

Para interagir com o assistente virtual, basta acessar a câmera do seu celular e apontá-la para o QR Code, ou adicionar o telefone +55 61 9637-1078 à sua lista de contatos, ou por meio do link wa.me/556196371078.

Continuar Lendo

Palmares

Júnior de Beto tem registro de candidatura para prefeito deferido pela Justiça

Palmares está com 8 candidatos a prefeito autorizados pela Justiça Eleitoral.

Marcos Philipe Passos

Publicado

Júnior de Beto tem registro de candidatura para prefeito deferido pela Justiça. - (Foto: Divulgação)

Júnior de Beto tem registro de candidatura para prefeito deferido pela Justiça. – (Foto: Divulgação)

O empresário e candidato a prefeito, Júnior de Beto (PP) teve sua candidatura deferida pelo TRE-PE (Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco). Ele disputa o cargo pela primeira vez, após o seu pai e ex-prefeito de Palmares, Beto Melo ter desistido de concorrer ao cargo no pleito de 2020.

Até o momento, ele concorre com mais 7 adversários e todos já tiveram as candidaturas aceitas. O candidato pelo PSD e atual vice-prefeito de Palmares, Agenaldo Lessa teve o pedido de candidatura indeferido pela justiça eleitoral.

Com a candidatura de Júnior de Beto, os 8 candidatos com registros confirmados são Alexandre Leão (PSDB), Altair Júnior (MDB), Coronel Souza Filho (PSC), Júnior Barreto (PTB), Major Hans (AVANTE), Millena Melo (PDT) e Nóe de Enó (DEM).

Prazos

Dia 26 de outubro é prazo final para a Justiça Eleitoral julgar todos os pedidos de registro de candidaturas aos cargos de prefeito, vice-prefeito ou vereador. O prazo para qualquer candidato, partido político, coligação ou o Ministério Público Eleitoral impugnar os pedidos de registro de candidaturas terminou no domingo (04/10).

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.