Nos siga nas redes sociais

Pernambuco

Filha de casal morto em acidente deve receber alta neste sábado (26)

A mãe e o pai da criança não resistiram aos ferimentos e morreram logo depois da colisão, que ocorreu no quilômetro 31,6 da rodovia estadual.

Marcelo Passos

Publicado

Foto: Reprodução Redes Socais

A filha do casal de  3 anos, que sobreviveu após um grave acidente na PE-06 próximo a Tamandaré, deve receber alta do Hospital da Restauração , onde está internada ainda neste sábado(26). A mãe e pai da criança não resistiram aos ferimentos e morreram no local doa acidente.
Segundo o Corpo de Bombeiros, morreram o 3° sargento da corporação, Márcio Luís Martins Lemos, de 39 anos, ele ingressou no CBMPE em 2007 e já em 2008 emprestava seu talento musical para a banda de música,informou a corporação.A esposa, Rakelli Nogueira do Nascimento, de 36 anos também faleceu no local do acidente. O velório do casal será na tarde deste sábado (26) e o sepultado ocorrera ás 10h da manha neste domingo (27) no cemitério Parque das Flores em Recife.

Vitimas:

Segundo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), outras duas pessoas ficaram feridas. Uma delas, uma mulher de idade não informada, foi levada ao Hospital Dom Helder Câmara, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

Um homem de 38 anos, que também ficou ferido, foi levado ao Hospital Português, no Centro do Recife. Não há informações sobre o estado de saúde desses dois feridos.

Através de imagens enviadas ao WhatsApp , é possível ver que a parte dianteira de um dos veículos ficou completamente destruída. As circunstâncias em que o acidente ocorreu serão investigadas .

Pernambuco

Em eleição histórica, Prefeitura de Frei Miguelinho será disputada por mulheres

. O episódio histórico acontece após o ex-prefeito Lula da Capivara (Podemos), que também concorria por chapa majoritária, ter candidatura indeferida pela justiça eleitoral

Redação PortalPE10

Publicado


Com pouco mais de 15 mil habitantes, Frei Miguelinho é um município do Agreste pernambucano e um dos poucos do Brasil a ter, nas eleições de 2020, todas as candidaturas à prefeitura composta por mulheres. O episódio histórico acontece após o ex-prefeito Lula da Capivara (Podemos), que também concorria por chapa majoritária, ter candidatura indeferida pela justiça eleitoral com base na Lei da Ficha Limpa, o que motivou o candidato a indicar a filha para substituí-lo. Outras duas postulantes também disputam a prefeitura.

Em um cenário acirrado, Lula da Capivara teve candidatura impugnada pelo Ministério Público Eleitoral por motivos de irregularidades nas contas públicas no período de sua gestão. O ex-prefeito indicou a própria filha Luiza Karla (Podemos) para disputar a cadeira do poder executivo do município. Em entrevista ao Diário de Pernambuco, a candidata afirma estar honrada em participar de um momento histórico na cidade, que, para ela, é fruto de um reconhecimento ”que a mulher vem recebendo, originado de muita luta e trabalho”, afirma Luiza Karla. Estreando na disputa pela prefeitura do município, ela conta estar orgulhosa em poder contribuir com a cena política de Frei Miguelinho. “Isso muito me orgulha e muito me honra poder representar a minha querida cidade”.

Primeira mulher a ser nomeada prefeita da cidade e atual candidata à reeleição, Adriana Assunção (PSB) conta que é a primeira vez que a cidade presencia três mulheres concorrendo a uma vaga na prefeitura. Episódio que ela julga necessário e que deve ser apoiado para estimular a participação de mais mulheres. “Isso mostra a nossa força feminina, nossa garra e empoderamento”, conta.

Partilhando do mesmo posicionamento, a candidata Tatiana Moura (PSL) aponta que, apesar de alguns avanços que as mulheres conquistaram ao longo da história o cenário atual encontra-se longe do adequado. “Alguns avanços já foram conquistados pela mulher, como o direito ao voto, o direito de poder se candidatar, mas o debate sobre a representatividade encontra-se muito distante do desejado.”, diz. Remetendo-se à cidade do interior pernambucano, ela completa: “Por isso as eleições deste ano em Frei Miguelinho reafirmam a importância de que mulheres devem estar cada vez mais presentes no campo político”.

Continuar Lendo

Pernambuco

Pernambuco apresenta aumento de fluxo na rede hospitalar, mas secretário descarta segunda onda

Pernambuco apresenta aumento de fluxo na rede hospitalar, mas secretário descarta segunda onda

PortalPE10 Com informações FolhaPE

Publicado

 

No dia em que Pernambuco superou os 160 mil casos oficialmente notificados da Covid-19, o secretário de Saúde do Estado, André Longo, participou de uma reunião com representantes do Sindicato dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde e Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Estado de Pernambuco (Sindhospe), além da Federação de Hospitais Filantrópicos.

O encontro, no final da manhã desta terça-feira (27), foi para tratar da atual demanda de pacientes com quadros suspeitos ou confirmados da Covid-19 nos serviços pernambucanos.

Nos últimos dias, circularam notícias de que a rede privada do Recife teria registrado aumento na demanda de internações por causa da doença provocada pelo novo coronavírus.

Os representantes das unidades hospitalares informaram que houve um aumento do fluxo de pessoas nas emergências com sintomas gripais leves na última semana, mas disseram não haver nenhuma consolidação estatística que sugira um aumento significativo de casos ou uma tendência de segunda onda de infecções.

“Com a reabertura das atividades econômicas e o retorno da intensa circulação de pessoas, alguns serviços da rede privada nos relataram uma maior procura de pacientes com quadros respiratórios leves na última semana, o que pode ser impacto, inclusive, da falta de cuidados da população durante o feriado do dia 12 de outubro”, disse André Longo.

O gestor lembrou que, diferente do início da pandemia, quando a indicação era de que os casos leves permanecessem em casa; agora, a população está procurando mais a rede hospitalar aos primeiros sinais sugestivos da doença.

“No entanto, essa procura se deve pelos mais diversos quadros e não necessariamente da Covid-19, já que há uma série de outras doenças que continuam circulando e provocam sintomatologia semelhante”, pontuou.

De acordo com as análises epidemiológicas das últimas semanas, observa-se um leve aumento de 1,1% nas suspeitas de casos leves nos últimos 15 dias. Segundo ele, esse movimento não se repete nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), consideradas o termômetro da rede pública.

Continuar Lendo

Brasil

Mesários de Pernambuco receberão auxílio por aplicativo do Banco do Brasil

TREs estabelecerão valores e data de depósito do benefício

Marcelo Passos

Publicado

Urnas eletrônicas - (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Urnas eletrônicas – (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Os mesários de 23 estados nas eleições municipais de novembro deste ano receberão o auxílio-alimentação por meio do smartphone. O benefício será pago por meio do aplicativo Carteira bB, carteira digital fornecida pelo Banco do Brasil.

O pagamento por meio digital resulta da parceria entre o Banco do Brasil e os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) dos seguintes estados: Acre, Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Caberá a cada TRE definir o valor e a data de pagamento do auxílio-alimentação. As condições de recebimento podem ser verificadas no site da Justiça Eleitoral de cada estado.

Para receber o auxílio-alimentação, os mesários deverão instalar o aplicativo, disponível nos sistemas operacionais Android e iOS, e cadastrar-se na Carteira bB. Cada TRE encaminhará aos mesários um código que será usado para resgatar o benefício na data indicada. O saldo disponível aparecerá na tela inicial do aplicativo.

As eleições municipais ocorrerão em 15 de novembro, com o segundo turno em 29 do mesmo mês. Ao todo, serão preenchidos 67,8 mil cargos públicos eletivos de prefeitos e vereadores.

Lançamento
Lançada em março, a Carteira bB tem cerca de 1 milhão de clientes em todo o país. O aplicativo permite pagamentos por meio de Código QR (versão avançada do código de barras) em máquinas da bandeira Cielo. Também é possível fazer saques nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, recarregar celular, fazer transferências para qualquer conta bancária convencional e efetuar pagamentos com cartão virtual, usados em compras online, aplicativos de transporte e serviços de entrega.

Segundo o Banco do Brasil, o funcionamento simplificado do aplicativo atende às necessidades imediatas de serviços como os usados pelos mesários.

 

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.