Nos siga nas redes sociais

Pernambuco

Jovem de 18 anos é morta e tem corpo jogado em cisterna em Jaboatão

Adriele Benjamim da Silva foi morta na manhã deste sábado (24)

Marcelo Passos

Publicado

Um homem que fingia ser milionário para aplicar golpes em mulheres foi preso preventivamente na tarde de quinta-feira (22), no Rio, por agentes da 20ª DP (Vila Isabel). De acordo com a polícia, Eliézer de Queiroz Moreira, de 33 anos, é suspeito de estuprar e ameaçar vítimas.

O delegado responsável pela investigação, Cristiano Maia, contou ao G1 que Eliézer vai responder por quatro crimes.

“Ele fez mais de 50 mulheres de vítimas, algumas de outros estados, que gastaram dinheiro para vir ao Rio. Ele já foi denunciado, vai responder por quatro crimes: estupro, estelionato, constrangimento ilegal e corrupção de menores. Se condenado, pode pegar mais de 30 anos”, detalhou.

Eliézer usava perfil falso em um site de relacionamentos para atrair as vítimas. Uma reportagem exibida em agosto deste ano no Fantástico (veja no vídeo abaixo) mostra que ele se apresentava como “sugar daddy” — homem que oferece a mulheres dinheiro ou pagamento de contas, além de presentes e viagens, em troca de um relacionamento.

Em uma rede de relacionamentos, Eliézer se passava por outra pessoa e exibia fotos do jornalista americano Freddy Shermann, com carros e itens de luxos, como sendo ele.

Durante as conversas, o falso milionário dizia às mulheres que tinha um sobrinho, que sofria de depressão, e elas poderiam se relacionar com ele em troca de presentes, dinheiro e outras vantagens.

O tal sobrinho era, na verdade, Eliézer, o mesmo que aplicava os golpes. No entanto, as vítimas acreditavam na história do “sugar daddy” pois recebiam um comprovante de pagamento antes do encontro. Um deles chegou a ter valor de R$ 7 mil.

Somente depois as vítimas descobriam se tratar de um golpista, que ameaçava, agredia e abusava das vítimas, de acordo com as investigações da polícia.

“Ele marcava os encontros sempre às sextas-feiras e mandava o comprovante do depósito. As vítimas arcavam com os custos de motel, restaurantes, achando que receberiam o dinheiro para cobrir os gastos. Quando chegava na segunda, o dinheiro não caía na conta delas, e somente nesse momento elas ficavam sabendo que foram vítimas dele”, revelou o delegado.

Eliézer chegou a ser preso em agosto, com prisão temporária, mas foi solto logo depois. O delegado explicou que a prisão de agosto não foi convertida para preventiva pois a investigação ainda estava em andamento e as provas ainda estavam sendo analisadas. Ainda de acordo com as investigações, Eliézer continuou praticando crimes após ser solto.

“Uma das vítimas tinha uma filha com câncer, e ele prometeu que cuidaria do tratamento da menina em troca de favores sexuais. Esse foi um caso que chamou a atenção”, apontou o delegado Cristiano

A polícia encontrou o corpo de uma garota de 18 anos dentro de um casarão abandonado, onde funcionava um Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), localizado na Rua Miguel Romã Abreu e Lima, no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes. A vítima, identificada como Adriele Benjamim da Silva, foi morta na manhã deste sábado (24). A Polícia Militar, Polícia Civil e os peritos do Instituto de Criminalística estiveram no local.

Segundo o delegado João Felipe, o corpo estava dentro de uma cisterna. “Quando chegamos aqui, encontramos o corpo já dentro da cisterna. Assim que o corpo foi removido do local, foi perceptível que ela foi morta antes e depois arrastada para dentro dessa cisterna”, contou.

Polícia investiga relação com chamado anterior

Na semana passada, a Polícia Militar recebeu uma denúncia de briga de casal. Segundo a polícia, a vítima e o companheiro estavam brigando em frente ao casarão. O homem teria agredido a mulher e vizinhos acionaram a polícia. Ao chegar no local, o suspeito já tinha se evadido. A vítima desta ocorrência pode ter sido Adriele.

“Alguns imóveis na localidade têm câmeras e existem outros na redondeza [que podem ajudar] para que a gente possa chegar à autoria [do crime]”, comentou o delegado João Felipe.

Adriele Benjamim da Silva, segundo a perícia, foi morta por estrangulamento. O assassino usou um fio para enforcar a vítima. A Polícia Civil já deu início às investigações.

Ainda não informações sobre o suspeito de cometer o assassinato de Adriele e nem a motivação para o crime.

Nota da Polícia Civil
A Polícia Civil informa que na manhã de hoje (24/10/2020) na Rua Jardim Copacabana, antiga sede da CAPS, em Piedade, uma mulher – 18 anos foi encontrada sem vida numa cisterna.

A 2ª Equipe da 7ª Turma da Força Tarefa de Homicídios, por meio do Delegado João Felipe esteve no local para iniciar as primeiras investigações. Segundo informações dos policiais, o local é ponto de uso de drogas e que a vítima possivelmente também era usuária de entorpecentes. Ainda segundo investigações, a causa possível da morte teria sido asfixia, contudo, necessário aguardar resultado do laudo do IML.

Um inquérito policial foi instaurado para apurar as circunstâncias do caso e identificar os autores.

 

Pernambuco

Pernambuco registra mais de 2 mil casos de Covid-19 nas últimas 24h

PortalPE10 Com informações FolhaPE

Publicado

Teste rápido da Covid-19 - (Foto: Breno Esaki/Agência Saúde)

Teste rápido da Covid-19 – (Foto: Breno Esaki/Agência Saúde)

Seguindo a média de aumento de casos de Covid-19 nas últimas semanas em Pernambuco, o Estado registrou mais 2.084 novos registros da doença neste sábado (28), de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). Segundo o órgão, o aumento no número de casos hoje é motivado pelo acúmulo de notificações dos últimos três dias, devido à instabilidade no sistema do Ministério da Saúde, onde são notificados os casos leves (e-SUS Notifica).

Com os novos casos, Pernambuco totaliza 181.392 casos confirmados da doença, sendo 27.973 graves e 153.419 leves.Também foram confirmados 20 óbitos, ocorridos entre os dias 12/07 e 26/11, totalizando 9.019 mortes pela Covid-19.

Dos casos confirmados neste boletim, apenas 46 (2%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e todos os outros 2.038 (98%) são leves. Além disso, entre os registros do informe, 4,7% pacientes foram notificados em setembro; 75% em outubro; e 16% em novembro.

Os casos positivos notificados em novembro e informados hoje, 50% foi detectado por teste rápido e 17% por exames sorológicos – testes que indentificam a presença de anticorpos, portanto indicando que a pessoa já teve contato com o novo coronavírus e após a infeção. Os outros 33% foram detectados por meio de exames moleculares do tipo RT-PCR.

Continuar Lendo

Pernambuco

No último dia: Justiça proíbe prefeito Geraldo Julio e agentes públicos de convocar funcionários para atos de campanha de João Campos

Juiz determinou aplicação de multa de R$ 100 mil, caso atos voltem a ser praticados.

PortalPE10 com informações G1

Publicado

A Justiça Eleitoral determinou que o prefeito Geraldo Julio (PSB) e outros agentes públicos se abstenham de convocar servidores municipais, inclusive terceirizados, para atos de campanha em favor de João Campos (PSB), que disputa com Marília Arraes (PT) o segundo turno à prefeitura. Uma multa de R$ 100 mil foi arbitrada aos investigados, caso a decisão seja descumprida.

A determinação foi proferida pelo juiz Sérgio Paulo Ribeiro da Silva, com base numa denúncia feita pela coligação de Marília Arraes, sobre abuso de poder econômico. Em nota, a prefeitura afirmou que “não existe qualquer tipo de pressão ou influência para a participação de servidores em qualquer ato relativo às eleições municipais”.

Na denúncia, a campanha da petista afirma que trabalhadores estariam sendo pressionados a votar em João Campos e que estariam sendo coagidos a trabalhar em prol da campanha do PSB.

Foi anexado à denúncia um vídeo em que um chefe do setor de terceirizados da prefeitura pede votos para o candidato, numa reunião realizada na terça-feira (24), na Bomba do Hemetério, na Zona Norte. Os funcionários teriam sido chamados para uma espécie de confraternização e, no local, a reunião seria um ato de campanha.

Continuar Lendo

Pernambuco

Estudante de 17 anos corre para dentro de casa, para não ser assaltado, mas é assassinado a tiros

Redação PortalPE10

Publicado

Um adolescente de 17 anos foi assassinado na noite desta sexta-feira (27), no bairro Poço, na cidade de Lajedo, no Agreste de Pernambuco.

O estudante Ryan Roberty Alves da Silva, estava próximo a casa que mora, quando dois homens ainda não identificados se aproximaram em uma moto, anunciaram que era um assalto e tentaram tomar seu aparelho celular, Ryan correu para dentro de casa e um dos assaltantes atirou nele.

A vítima caiu dentro de casa, foi socorrida e morreu a caminho do hospital e o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Qualquer informação que ajude a Polícia Civil a identificar os assassinos deve ser repassada para o WhatsApp da delegacia de Lajedo (87) 9.8877-2168, a identidade do denunciante é mantida no mais absoluto sigilo.

As informações são do site Agreste Violento.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.