Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Julgamento da morte do médico Maviael Menezes começa nesta segunda(17) em Palmares

Serão quatro dias de julgamentos começando na segunda-feira (17) até a sexta-feira (21)

Avatar

Publicado

Os quatro acusados pela morte do médico Maviael Menezes de Almeida , irão a júri popular nesta segunda-feira (17) em Palmares (PE). Entre os quatro acusados esta um ex- Policial Militar de Alagoas que cumpre pena.

De acordo com a juíza titular da 1ª Vara Criminal, Dr. Hydia Virginia Chistino, de Landi Faria a audiência terá início com os depoimentos das testemunhas de acusação e defesa, além de interrogatório dos réus. Os réus são Antônio Agostinho Alves Muniz Filho, José Laudiano do Nascimento , Antonio José da Silva Neto e Ednaldo dos Santos Brandão.Os quatro são acusados de homicídio duplamente qualificado.

O Julgamento será realizado na Casa de Justiça Professor Aníbal Bruno(Novo Fórum) localizado no Bairro Dom Acácio em Palmares. Serão quatro dias de julgamentos começando na segunda-feira (17) até a sexta-feira (21) com inicio às 9h da manhã. 

Relembre o Caso  :

O médico Maviael Menezes de Almeida, 52 anos, estava desaparecido desde o último dia 28 de junho de 2012, data em que a família foi à polícia e registrou um possível sequestro, em Palmares.

No dia 1º de julho de 2012, o corpo do médico foi encontrado em embaixo de uma ponte na PE-46, na estrada que liga os municípios de Barreiros á Palmares, entre os engenhos Coqueiral e Jundiá. O cadáver de Maviael apresentava 17 perfurações de faca, que foi encontrada no local, suja de sangue. Nas proximidades também foram deixados uma garrafa de uísque, um lençol e cordas.

O médico vestia uma sunga de banho e uma camisa de malha. O que chamou a atenção dos policiais na época foi o relógio encontrado dentro da sunga da vítima, como se ele estivesse tomando banho e tivesse guardado o acessório. O carro dele, uma caminhonete Hillux, foi encontrado abandonado no distrito de Nossa Senhora do Ó, próximo a Porto de Galinhas, em Ipojuca.

O laudo da perícia indicou que o crime aconteceu na casa da vítima, em cima da cama do médico, que teve o corpo enrrolado em lençóis e tapetes e abandonado embaixo da ponte. Quando a perícia foi autorizada a entrar na casa do médico, encontrou-a totalmente limpa e organizada. Os peritos precisaram utilizar o reagente luminol para desvendar o caso.

Investigação Policial :

Contendo 500 páginas, divididas em dois volumes, a Polícia Civil concluiu o inquérito que investigou a morte do médico do trabalho Maviael Menezes Almeida, 52 anos. Motivado por um seguro de vida do qual era beneficiado e pela sociedade em uma das empresas do clínico geral, o soldado da Polícia Militar de Alagoas Antônio Agostinho Alves Muniz Filho, 24, foi o autor intelectual do crime. O crime aconteceu no dia 29 de junho deste ano.

A Polícia Civil confirmou que foram anexados aos autos documentos comprobatórios dos ganhos financeiros que o policial teria após a morte do médico. O crime foi considerado passional, conforme a polícia, devido a relação entre a vítima e o soldado, que arquitetou o crime, com motivações financeiras. Além do PM, José Laudiano do Nascimento,José Antônio da Silva Neto, e Edinaldo Santos Brandão,são acusados de terem praticado o homicídio.

De acordo com as investigações, Antônio Agostinho acordou com os outros envolvidos que pagaria R$ 15 mil pela execução do plano que resultou na morte de Maviael Menezes. Cada um receberia R$ 5 mil, sendo R$ 2,5 mil antes e o restante após o crime. O delegado titular de Palmares e do Núcleo de Homicídios da Mata Sul, Franklin Soriano, explicou que a partir da quebra do sigilo telefônico, eles conseguiram confirmar o contato entre os envolvidos – inclusive os horários que os telefonemas aconteceram.

“Encontramos um celular com uma pessoa que tinha amizade com Antônio. Através do interrogatório dessa pessoa, ficou confirmado que o crime foi praticado mediante pagamento”, explicou Franklin Soriano. Antônio ainda tentou usar como álibi o plantão que cumpriu em Alagoas, um dia após o crime, mas o depoimento foi por água abaixo quando a polícia conseguiu confirmar a relação entre os envolvidos com a vítima.

Na noite anterior ao crime, testemunhas afirmaram que escutaram uma briga intensa entre Maviael e Antônio. “Há a informação, repassada pelo serviço reservado da PM que Antônio era investigado como suspeito do tráfico de drogas em Água Preta. E, possivelmente, o médico teve acesso a essa informação podendo ser esse o motivo da briga. Mas isso não foi confirmado”, revelou o delegado na época das investigações.

Médico

O medico Maviael Menezes de Almeida, de 52 anos era conhecido por atuar em várias cidades da região, como Palmares, Belém de Maria, Catende e Água Preta. Ele era filho do ex-deputado estadual e ex-prefeito das cidades de Belém de Maria e Catende, Manoel Ramos de Almeida, e da ex-prefeita de Belém de Maria, Maria Menezes.

O médico era especialista em Saúde Pública e Medicina do Trabalho pela Unicamp (SP), servidor concursado da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco e médico do trabalho do Centro Regional de Saúde do Trabalhador (Cerest) de Palmares.

Maviel já exerceu os cargos de secretário municipal de Saúde de Belém de Maria e Catende e foi diretor do Hospital Regional de Palmares e da Unidade Mista Dr. João Mayrinck em Catende.


Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cotidiano

Homem é assassinado a tiros e mulher é baleada em Sirinhaém

Ninguém foi preso até o momento desta publicação. A motivação do crime ainda não foi identificada. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/Whatsapp)

Um homem foi assassinado a tiros e uma mulher foi baleada na noite de terça-feira (19) no bairro Ibiratinga, em Sirinhaém, no Litoral Sul de Pernambuco. De acordo com a informações, o homem identificado por José Welington da Silva, de 21 anos estava próximo a sua residência, quando elementos armados se aproximaram e efetuaram vários disparos contra ele que não resistiu e veio a óbito.

Ainda segundo informações, uma mulher que seria companheira da vítima acabou sendo baleada e foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para um hospital local.

Ninguém foi preso até o momento desta publicação. O corpo de José Welington foi encaminhado para o IML. A motivação do crime ainda não foi identificada. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Continuar Lendo

Cotidiano

Homem é detido suspeito de manter mulher em cárcere privado em Xexéu

De acordo com informações da polícia, a vítima relatou que era mantida presa em casa há vários dias.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

Um homem de foi detido na tarde de terça-feira (19) no Alto da Capela, em Xexéu, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, suspeito de manter a mulher em cárcere privado por vários dias.

De acordo com a polícia, por volta de 13h20, uma equipe do 10° BPM, seguiu até um endereço, para verificar um possível cárcere privado, ao chegar no local a PM foi informada pela vítima que há dias seu companheiro vinha mantendo a mesma em cárcere privado, ela ainda relatou que o homem teria quebrado o chip do seu celular para que ela não tivesse contato com ninguém.

.:: Leia também: Operação Policia Militar: Cinco pessoas são presas pelo crime de tráfico de drogas em Xexéu e Belém de Maria

.:: Leia também: Colisão na BR-101 entre carro e moto deixa jovens gravemente feridos em Xexéu

Diante dos fatos os envolvidos foram encaminhados até a Delegacia de Polícia para serem tomadas as medidas cabíveis. Foi aberto um inquérito através de portaria, e foi solicitada medida protetiva.

 

Continuar Lendo

Cotidiano

Vacinação contra a covid-19 já começa em cidades da Mata Sul

Na terça-feira (19) várias cidades da região deram início à vacinação.

Redação PortalPE10

Publicado

Cidades da Mata Sul de Pernambuco já começaram a vacinação contra o novo coronavírus ainda na terça-feira (19) quando foram entregues pelo Governo do Estado mais de 7mil doses da vacina, o material foi entregue na sede da III Geres.

(Foto: Reprodução/PortalPE10)

Em Palmares, o início ocorreu durante a tarde e teve a técnica de enfermagem Maria do Socorro de 61 anos, como a primeira pessoa a receber a dose da Coronavac. Em seguida, o jovem Wilams Felipe também foi vacinado e o senhor Antônio Juvêncio de 91 anos também recebeu a primeira dose da vacina.

.:: Leia também: Saiba quantas vacinas da Covid-19 são destinadas a cada município da Mata Sul

A cidade recebeu 1314 doses da Coronavac na manhã de terça.

Gameleira

(Foto: Divulgação)

Em Gameleira a técnica de enfermagem Adenice Maria Nascimento, de64 anos, foi a primeira pessoa vacinada contra o Coronavírus no município. Ela atua na área da saúde há 28 anos.

Nesta primeira fase, 162 profissionais da saúde serão contemplados com duas doses da vacina, totalizando 324 doses disponibilizadas pela Secretaria Estadual de Saúde. O município recebeu 324 vacinas.

Ribeirão

(Foto: Divulgação)

Em Ribeirão, a primeira pessoa a receber a dose da Coronavac foi Amara Lúcia que trabalha como técnica de enfermagem. O município recebeu 466 vacinas

Xexéu

Xexéu também deu início a vacinação no município, o Prefeito Thiago de Miel esteve durante a manhã de terça fazendo a retirada das doses na sede da III Geres em Palmares e durante a tarde foi realizada a vacinação. O município recebeu 196 vacinas.

Água Preta

(Foto: Divulgação)

No município da Água Preta, o prefeito Noé Magalhães participou da cerimônia de vacinação, onde a enfermeira Ana Maria recebeu a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus.

Nesse primeiro momento serão vacinados os profissionais da saúde, que estão na linha de frente no combate do novo coronavírus. O município recebeu 318 vacinas.

Barreiros

(Foto: Divulgação)

Em Barreiros também foi dado início a vacinação, a profissional da saúde Isabella Nayman de 29 anos foi a escolhida para receber a primeira dose da vacina. O município recebeu 268 doses para serem administradas nos profissionais de saúde que estão na linha de frente nas urgências e emergências no combate a COVID-19.

Essa está sendo a primeira fase de vacinação, seguindo as orientações do Ministério da Saúde.

Participaram do ato o prefeito Carlinhos da Pedreira, o vice-prefeito, João Marreca Filho, a secretária de Saúde Marlene Couto além de profissionais da área da saúde.

Rio Formoso

(Foto: Divulgação)

A Prefeita de Rio Formoso, Isabel Hacker também esteve na sede da III Geres para fazer a retirada de 256 vacinas, e deu início a vacinação. A primeira pessoa a ser vacinada no município foi a técnica de enfermagem Jovelina Maria Chagas, que trabalha há 30 anos na Unidade de Atendimento do Hospital Maria José Monteiro.

 

 

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.