Nos siga nas redes sociais

Pernambuco

Justiça marca audiência de instrução e julgamento da primeira-dama de Tamandaré

Sessão marcada para 3 de dezembro terá o interrogatório da ré e oitiva de testemunhas indicadas pela acusação e defesa. Após a fase de alegações finais, o juiz vai proferir a decisão

Marcelo Passos

Publicado

Miguel morreu após cair do nono andar de edifício de luxo no Recife

O Juízo da 1ª Vara de Crimes contra a Criança e o Adolescente da Capital marcou a primeira audiência de instrução e julgamento da primeira-dama de Tamandaré, Sarí Mariana Costa Gaspar Corte Real, pela morte do menino Miguel Otávio Santana da Silva, de cinco anos. A sessão ocorrerá no dia 3 de dezembro às 9h.

O objetivo da sessão é realizar o interrogatório da acusada e ouvir as testemunhas indicadas pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e pela Defesa. Depois da fase de instrução e julgamento, o MPPE e a Defesa deverão apresentar as alegações finais e, em seguida, o Juízo profere a decisão. Deverá ser estabelecido um prazo para acusação e defesa concluírem suas alegações e, em seguida, o juiz dará a sentença.

Sarí Corte Real foi denunciada por abandono de incapaz com resultado em morte, com as agravantes de cometimento de crime contra criança e em ocasião de calamidade pública. “Não é difícil prever que, dentre incontáveis áreas sem redes, com escadarias, lajes técnicas desprotegidas, piscina, diversas seriam as formas de se alcançar o resultado morte indesejado, mas previsível”, disse o delegado Ramon Teixeira ao indiciar a primeira-dama. As informações são do LeiaJá

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pernambuco

Internada há 15 dias, cantora gospel mexe pescoço e abre olhos

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/Instagram)

De acordo com os familiares da cantora, ela tem respondido gradativamente aos estímulos. Ela já mexeu o pescoço e abriu os olhos. “Segundo os médicos, sua recuperação é uma questão de tempo”, disse a família, numa postagem no Instagram.

O quadro de saúde é considerado estável e tem evoluído gradativamente, ainda segundo parentes. O hospital não recebeu autorização da família de Amanda para divulgar informações sobre a paciente.

No dia 10, a assessoria da gravadora MK Music divulgou nota informando que após, passar por cirurgias, “mexeu olhos e braço num momento em que o marido, Dobson Santos, estava ao seu lado”.

A filha do casal, Mel, de seis anos, também estava no veículo e foi internada. Ela precisou passar por uma cirurgia no ombro, mas teve alta dois dias depois da colisão.

Após o acidente, fãs de Amanda Wanessa iniciaram uma campanha de doação de sangue para a cantora. Amigos, cantores e familiares também enviaram mensagens de otimismo pelas redes sociais, desejando a recuperação da artista.

Continuar Lendo

Cotidiano

Governo de Pernambuco inicia vacinação no Hospital de Referência à Covid-19 Unidade Boa Viagem

Cerca de 1,3 mil profissionais de saúde que atuam na instituição serão imunizados. Categoria tem prioridade absoluta no cronograma de vacinação.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Aluísio Moreira/SEI)

Unidade com maior número de leitos exclusivos para casos do novo coronavírus, o Hospital de Referência à Covid-19 Unidade Boa Viagem (antigo Hospital Alfa) começou, nesta terça-feira (19.01), a vacinar seus profissionais. O Hospital conta atualmente com 1.309 funcionários, sendo 1.225 aqueles que atuam na assistência direta nas enfermarias e UTIs. Prestigiando o ato, o governador Paulo Câmara agradeceu a todos os profissionais de saúde que estão na linha de frente na unidade desde o início da pandemia, se dedicando a salvar vidas.

“Temos ainda uma longa trajetória, mas estamos muito felizes por tudo que conseguimos avançar até este momento, onde iniciamos uma nova fase com a vacinação. Pernambuco está pronto para cumprir todas as etapas com o planejamento que já fizemos e, ao mesmo tempo, com toda determinação que temos para cuidar das pessoas como estamos fazendo desde o início dessa pandemia”, disse Paulo Câmara.

A vacina chegou ao Recife na noite da segunda-feira e a campanha foi iniciada logo em seguida. “A distribuição das vacinas está ocorrendo e, até às 14h de hoje, todas as Gerências Regionais de Saúde já terão recebido a vacina. Esse processo começou, mas não podemos descuidar em nenhum momento. Vamos usar máscara, manter o distanciamento social e a população pode ter certeza que não vamos descansar enquanto não cumprirmos as etapas do Plano Nacional de Imunização”, concluiu o governador.

Funcionando hoje com 100% de sua capacidade, o antigo Hospital Alfa tem 270 leitos ativos, sendo 150 de enfermaria e 120 de UTI. O equipamento foi requisitado administrativamente pelo Governo de Pernambuco em março e, em tempo recorde, a estrutura passou por ampla reestruturação e abriu as portas no dia 15 de abril, atuando de forma dedicada à atenção aos pacientes com a Covid-19. Pela unidade passaram, de abril até agora, 4.018 pacientes, dos quais 2.650 já tiveram alta.

O Hospital conta com equipamentos de tomografia computadorizada, raios x, ultrassonografia, ecocardiograma, eletrocardiograma, endoscopia digestiva, colonoscopia e broncoscopia. Entre os meses de abril e dezembro de 2020 foram realizados 7.171 exames de raios x, 2.209 tomografias e 257.836 exames laboratoriais.

“Pelo público prioritário deste momento, a orientação da secretaria é que ações como essa sejam desenvolvidas. Que a gente leve a vacina até os profissionais, que os municípios levem até os asilos, para que a vacinação seja feita no local. São mais de 1.200 profissionais da saúde que trabalham aqui e que serão priorizados para que a gente tenha mais segurança e eles possam continuar salvando vidas neste que é o maior Hospital de Referência para a Covid-19 no Estado”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

De acordo com Longo, 270.900 doses chegaram a Pernambuco e a distribuição foi pactuada com os municípios. “O Estado ficou com uma parte desses insumos para vacinar unidades como esta, que são prioridade absoluta neste primeiro momento. Então a gente pegou algumas das vacinas que viriam para o Recife para colocar em unidades como esta, que estão dentro do município, mas sob a égide do Estado”, explicou o secretário.

A primeira pessoa a ser vacinada na instituição foi a técnica de enfermagem Alexina Codeceira, de 50 anos. Muito emocionada, a profissional, que está na linha de frente desde abril de 2020, falou sobre a importância de todos se imunizarem assim que possível. “Temos que acreditar na vacina. É a chance que temos de mudar essa história. A gente que está na UTI está vendo cenas muito tristes, então, se vacinem. Não tenham medo. É o recado que eu deixo para todos. E, mesmo vacinados, continuem usando máscara, álcool em gel e não se exponham de novo”, aconselhou.

Na sequência também foram imunizados a enfermeira Cristiane Correia, o médico Manoel Alves, a auxiliar de farmácia Sandra Silva, a nutricionista Janaína Nascimento, a assistente social Valmira Melo, a fonoaudióloga Cristiane Neves, a psicóloga Maria Renata Braga e a fisioterapeuta Lidier Nogueira – todos trabalhadores da linha de frente do combate à pandemia.

Continuar Lendo

Palmares

Vídeo: Vacinas contra o covid chegam a Palmares, Assista

Redação PortalPE10

Publicado

Chegaram em Palmares, na manhã desta terça-feira (19), doses da CoronaVac, a vacina contra o coronavírus. Veja acima as imagens do momento da chegada.

Segundo a prefeitura de Palmares a imunização começa nesta quarta-feira (19). Os primeiros a tomarem as vacinas serão os profissionais da área da saúde.

A distribuição das 270 mil doses da CoronaVac em Pernambuco usa uma logística que inclui seis caminhões, sendo quatro refrigerados, adequados para longas distâncias.

As vacinas chegaram ao Recife às 19h29 da segunda-feira (18), em um avião que decolou do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Primeiro, houve uma cerimônia simbólica no Centro de Logística do Ministério da Saúde com a presença do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e governadores.

De acordo com o Governo de Pernambuco, apesar de haver dois caminhões não refrigerados isso não implica risco às vacinas porque estão armazenadas em caixas térmicas a uma temperatura entre 4ºC e 8ºC, o que garante uma durabilidade de, no mínimo, 48 horas, suficiente para a distribuição.

A primeira fase da vacinação no Estado prevê vacinar um grupo de 129.022 pessoas, que inclui 2.462 pessoas com mais de 60 anos institucionalizadas, 130 pessoas com deficiência institucionalizadas, 26.506 indígenas vivendo em terras indígenas e 99.924 trabalhadores de saúde.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.