Nos siga nas redes sociais

Política

Lula recebe tratamento de chefe de Estado durante caravana no Nordeste

O bloqueio de ruas, escolta policial e jantares em residências oficiais marcaram os nove primeiros dias da caravana…

Avatar

Publicado

PODER - A Caravana Pelo Brasil, em que, na primeira etapa, o Ex Presidente Lula viaja pelo nordeste, em várias ocasiões teve apoio da Policia Militar dos Estados. Na foto,o ex presidente em Cruz das Almas - Bahia 18/08/2017 - Foto - Marlene Bergamo/Folhapress - 017 -

Noite de domingo, dia 20. Seis carros de polícia acompanham a chegada de uma comitiva a um hotel na praia do Atalaia, em Aracaju. O acesso a um quarteirão é fechado, enquanto a via principal é parcialmente bloqueada. Há plantão policial à porta do hotel. O hóspede é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O bloqueio de ruas, escolta policial e jantares em residências oficiais dos governadores marcaram os nove primeiros dias da caravana que Lula protagoniza pelo Nordeste.Longe do inverno de São Paulo, o ex-presidente petista recebeu de governadores tratamento conferido a chefes de Estado durante sua passagem por Bahia, Sergipe, Alagoas e Pernambuco.

Em Sergipe, 30 policiais militares foram destacados para a escolta do ex-presidente. Segundo a Folha apurou, a equipe de segurança do governador do Estado, Jackson Barreto (PMDB), é menor, de cerca de seis agentes.

Durante os dois dias da passagem do político por Sergipe, os 30 policiais se revezavam em duas equipes: dez agentes vistoriavam o local visitado antes da chegada de Lula e os demais o acompanhavam durante a atividade.

Um ônibus do Batalhão de Choque ficava em ruas vizinhas ao local reservado aos atos políticos para que fosse acionado em caso de emergência. Nas rodovias, a caravana também teve suporte da Polícia Rodoviária Federal. Em zigue-zague, um camburão impedia que os motoristas ultrapassassem o comboio, enquanto um policial gritava “saia da célula”. Em Sergipe, Lula jantou na residência oficial do governador. Na Bahia, ele e sua comitiva foram recepcionados duas vezes pelo governador Rui Costa (PT): em jantar e também em um café da tarde.  

Além do forte policiamento, Lula teve um carro de apoio oferecido pelo Estado durante sua passagem pela Bahia. Ele também participou de ao menos duas atividades copatrocinadas pelo governo de Costa. No sábado, após participar de um reunião com o governador e prefeitos do Estado, o ex-presidente foi o convidado de honra em um ato em defesa das políticas públicas para o semiárido e a agricultura familiar.

O ato teve apoio da Secretaria de Desenvolvimento Rural. Organizadora do evento, a Unicafes, uma união de cooperativas agrárias, presta serviço de assistência técnica ao governo da Bahia. Ano passado, recebeu três motocicletas das mãos do governador.

Ao discursar para produtores rurais, Lula se comparou a um galo de briga. Na véspera, fez uma palestra durante um encontro da juventude realizado em praça pública no município de Cruz das Almas.

Anfitrião do encontro –que também teve apoio do governo do Estado–, o prefeito de Cruz das Almas, Orlandinho, afirmou em discurso que seus adversários o acusaram de uso da máquina em benefício de Lula.

Orlandinho, que é petista, disse, então, que o único gasto da prefeitura para a realização do evento foi para fornecimento de luz e som. Afirmou ainda que, se fosse necessário, poderia apagar a luz. E os militantes, segundo ele, poderiam fazer “uma vaquinha” para cobrir os gastos com som.

TRÂNSITO FECHADO

Quatro carros da Polícia Militar alagoana, além da Polícia Rodoviária Federal, acompanharam Lula na saída do Estado rumo a Pernambuco. Para a realização de um encontro com sindicalistas, a avenida da Paz, em Maceió, teve o trânsito fechado.

Em Pernambuco, os policiais militares chegaram em dois ônibus à cidade de Ipojuca para ato com trabalhadores do porto de Suape. A segurança foi reforçada pela guarda municipal. A prefeita, a petista Célia Sales, também participou do ato.

Em João Pessoa, agentes vistoriaram a Câmara Municipal, onde seria realizado neste sábado (26) uma homenagem a Lula. O evento foi, no entanto, transferido para uma área pública.

Pela lei, todo ex-presidente tem direito a quatro servidores para garantia de sua segurança, além de dois carros com motorista. Procurados pela reportagem, os governos estaduais não se manifestaram sobre a organização de estruturas de segurança para a caravana de Lula.

A Secretaria de Comunicação de Pernambuco informou que a Casa Militar do Estado recebeu um pedido da Secretaria-Geral da Presidência, responsável pela segurança de ex-presidentes.

Além da guarda pessoal de Lula, seguranças do PT e da CUT foram escalados para a proteção de Lula ao longo do percurso. Algumas atividades ou detalhes da agenda do ex-presidente só são divulgados horas antes de sua realização.

Uma das recomendações feitas ao petista foi para que não ocorressem paradas na estrada sem que estivessem previamente programadas. Simpatizantes do ex-presidente têm, no entanto, esperado à beira de rodovias pela passagem dele. Não são raros os casos em que Lula deixa o ônibus para ouvir seus admiradores.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Palmares

Eleições 2020: Agenaldo Lessa tem candidatura deferida após recurso em Palmares

Candidatura havia sido indeferida

Redação PortalPE10

Publicado

Candidato a Prefeito de Palmares Agenaldo Lessa (PSD) (Foto: Reprodução/PortalPE10)

Candidato a Prefeito de Palmares Agenaldo Lessa (PSD) (Foto: Reprodução/PortalPE10)

O candidato a prefeito de Palmares , Agenaldo Lessa (PSD), teve o registro deferido pela Justiça Eleitoral. A candidatura havia sido indeferida na semana passada e o vice-prefeito entrou com recurso para tentar reverter a decisão. Com isso, ele permanece na disputa para eleições de 2020 em Palmares.
Deferimento

No TRE-PE, após ser apreciado o processo, o registro do candidato pode ser considerado “apto” ou “inapto”. Caso o candidato preencha todas as condições de elegibilidade, isto é, não tenha nenhuma contestação e o pedido tenha sido acatado, a situação que aparecerá no sistema será “apto” e “deferido”.

Outro caso é quando o candidato aparece como apto, mas houve impugnações e a decisão é no sentido de negar o registro.
Nesse caso, a situação será “apto”, e o complemento será “indeferido com recurso”. Existe ainda o caso do candidato que apresentou o registro, e as condições de elegibilidade avaliadas foram deferidas pelo juiz; contudo, o Ministério Público Eleitoral (MPE) ou o partido recorreu da decisão. Nessa hipótese, a condição será “apto” e “deferido com recurso”.

Na situação de registro julgado como apto, ainda existem as possibilidades de “cassado com recurso” ou “cancelado com recurso”. Isso ocorre quando o candidato teve o registro cassado ou cancelado pelo partido ou por decisão judicial, porém apresentou recurso e aguarda uma nova decisão.

Continuar Lendo

Brasil

Mesários de Pernambuco receberão auxílio por aplicativo do Banco do Brasil

TREs estabelecerão valores e data de depósito do benefício

Marcelo Passos

Publicado

Urnas eletrônicas - (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Urnas eletrônicas – (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)

Os mesários de 23 estados nas eleições municipais de novembro deste ano receberão o auxílio-alimentação por meio do smartphone. O benefício será pago por meio do aplicativo Carteira bB, carteira digital fornecida pelo Banco do Brasil.

O pagamento por meio digital resulta da parceria entre o Banco do Brasil e os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) dos seguintes estados: Acre, Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Caberá a cada TRE definir o valor e a data de pagamento do auxílio-alimentação. As condições de recebimento podem ser verificadas no site da Justiça Eleitoral de cada estado.

Para receber o auxílio-alimentação, os mesários deverão instalar o aplicativo, disponível nos sistemas operacionais Android e iOS, e cadastrar-se na Carteira bB. Cada TRE encaminhará aos mesários um código que será usado para resgatar o benefício na data indicada. O saldo disponível aparecerá na tela inicial do aplicativo.

As eleições municipais ocorrerão em 15 de novembro, com o segundo turno em 29 do mesmo mês. Ao todo, serão preenchidos 67,8 mil cargos públicos eletivos de prefeitos e vereadores.

Lançamento
Lançada em março, a Carteira bB tem cerca de 1 milhão de clientes em todo o país. O aplicativo permite pagamentos por meio de Código QR (versão avançada do código de barras) em máquinas da bandeira Cielo. Também é possível fazer saques nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, recarregar celular, fazer transferências para qualquer conta bancária convencional e efetuar pagamentos com cartão virtual, usados em compras online, aplicativos de transporte e serviços de entrega.

Segundo o Banco do Brasil, o funcionamento simplificado do aplicativo atende às necessidades imediatas de serviços como os usados pelos mesários.

 

Continuar Lendo

Política

Eleições 2020: Saiba como encontrar seu local de votação

O aplicativo e-Título é outra maneira de consultar as informações.

Marcos Philipe Passos

Publicado

(Foto: Aldo V. Silva / Arquivo JCS)

(Foto: Aldo V. Silva / Arquivo JCS)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) possui uma ferramenta de consulta que informa o número do título de eleitoral, da zona eleitoral e do endereço de seção da votação. Basta indicar o nome completo, a data de nascimento e o nome da mãe. Clique aqui para ter consultar seu local de votação.

O aplicativo e-Título é outra maneira de consultar as informações. Ele pode ser baixado em tablets ou smartphones que utilizam os sistemas operacionais Android ou iOS.

Além disso, você pode ligar para a Central do Eleitor de seu estado para obter informações. Em Pernambuco, o número é: (81) 3194-9400. Se você for de outro estado confira os número de cada Central neste link.

Vale ressaltar que você pode votar sem ter o título de eleitor em suas mãos. Para votar é necessário que você tenha em mãos qualquer documento oficial com foto e saiba o local de sua votação.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.