Nos siga nas redes sociais

Pernambuco

No Recife, Ciro Gomes (PDT) oficializa apoio a João Campos (PSB) e realiza agenda

Os políticos realizaram uma mini carreata no bairro de Guabiraba, na Zona Norte do Recife, ainda na manhã do domingo.

PortalPE10 com informações UOL

Publicado

Ciro Gomes, vice-presidente do PDT, desembarcou no Recife na manhã deste domingo (22) para realizar uma agenda ao lado de João Campos, candidato à Prefeitura do Recife pelo PSB. O político, que foi candidato à presidência do Brasil em 2018, oficializou o apoio para a chapa do socialista, que tem como vice-candidata Isabella de Roldão, também do PDT. Os políticos realizaram uma mini carreata no bairro de Guabiraba, na Zona Norte do Recife, ainda na manhã do domingo.

A agenda de Ciro Gomes seguirá com reunião com militância na Zona Sul do Recife, um almoço com os prefeituráveis, o deputado federal Wolney Queiroz (PDT), o prefeito do Recife Geraldo Julio (PSB) e governador de Pernambuco Paulo Câmara (PSB), uma gravação com João Campos e Isabella de Roldão, uma outra reunião na Zona Norte e um jantar.

No Recife, Gomes também foi recebido pelo deputado estadual Zé Queiroz (PDT), Alberes Lopes e Fábio Fiorenzano (esposo de Isabella de Roldão). Na circulação pelo bairro de Guabiraba, João Campos foi recebido por militância, apoiadores e representantes políticos.

Em 2018, Ciro Gomes teve um total de 148.655 votos na metrópole pernambucana. O que, por sua vez, pode ajudar na corrida de João Campos pelos votos desse segundo turno, principalmente dos indecisos. O que ainda não se sabe, no entanto, é se esse apoio faz costuras para as eleições de 2022.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pernambuco

Menino de 3 anos pega celular da mãe e faz ‘festa’ de R$ 400 em sanduíches e milk shakes no Recife

Família se reuniu para dar conta de promoções de hambúrguer e batata frita.

PortalPE10 com informações G1

Publicado

Uma brincadeira de criança com o celular da mãe em um aplicativo de entrega de comidas terminou com susto e muitas risadas em uma família, no Recife. Luiz Antônio, o Tom, de 3 anos, aproveitou o momento em que a mãe tomava banho e fez uma compra de R$ 400 no McDonald’s, que rendeu uma “festa” regada a hambúrguer, batata frita e milk shake para tios, primos e funcionários do prédio.

O roteiro dessa história começou por volta das 17h30 de segunda-feira (23), quando a mãe de Tom, a publicitária Raíssa Wanderley Andrade, de 32 anos, chegou do médico e entrou em casa direto para o banheiro.

Em tratamento, ela correu para fazer os procedimentos de limpeza de quem está se resguardando na pandemia. Antes disso, deixou o telefone com o filho, que entrou no aplicativo da lanchonete, sem ninguém saber.

Nesta terça (24), Raíssa contou  que a primeira parte da história é marcada pelo susto. “Telefonaram do prédio e disseram que tinha uma entrega. Achei, primeiro, que tinham deixado alguma coisa para mim. Até perguntei para a minha mãe, que estava com a gente, se ela sabia de alguma coisa e ela disse que não. Depois, até pensei que poderia ter sido Tom”, disse a publicitária.

Em seguida, Raíssa se deparou com a entrega de dez sacolas da rede internacional de fast food e duas notas fiscais: Uma de R$ 270 e outra de cerca de R$ 130. Os pedidos estavam no nome dela e tinham sido feitos com um minuto de diferença.

Ao abrir as embalagens, o susto se transformou em risadas. Muitas gargalhadas. “Eram seis caixas de promoções de lanches e dez milk shakes de Ovomaltine. Eu só conseguia rir. Passei mais de duas horas rindo dessa história”, disse.

Mesmo diante da constatação de que Tom tinha feito as compras, Raíssa disse que ainda ficou na dúvida e resolveu perguntar ao menino. E o garotinho, prontamente, confirmou ser o responsável pela “farra” , regada a hambúrguer, batata frita e outras guloseimas.

“Fui eu. Foi Tom”, lembrou a mãe, que admitiu não ter tido força para brigar com a criança. “Eu ainda tentei, mas não tem como brigar depois de uma história dessas, né?”, comentou.

Com tanta comida em casa, a questão era ter a certeza de que não haveria desperdício. Na casa, moram Raíssa, Tom e o pai, o publicitário André Luiz Nunes, e a outra filha, uma bebê. Para dar conta de tudo aquilo, a publicitária convocou parte da família que mora no mesmo prédio e funcionários.

“Teve lanche para as netas de uma funcionária da família, para o pessoal do prédio, que achou a história incrível, e para mim também. Comi e dei muita risada”, contou.

Em meio a essa festa toda, Raíssa lembrou que houve alguns problemas. Rindo mais uma vez da situação, ela disse que ficaram faltando algumas tortas de maçã e um brinquedo específico, de que Tom sentiu falta logo de cara.

Continuar Lendo

Pernambuco

Suspeito de participar de latrocínio contra PM de AL é solto após audiência de custódia

Redação PortalPE10

Publicado

O responsável por pilotar a motocicleta usada no crime que vitimou o soldado alagoano Johnson Bulhões foi solto após uma audiência de custódia realizada nessa segunda-feira (24).

O suspeito de 23 anos foi um dos envolvidos no assassinato do soldado que morreu após levar tiros na cabeça em Porto de Galinhas, Pernambuco, na última sexta-feira (20).Segundo informações do BPRv, a vítima estava passeando com a família, quando foi abordado.

Um dia após o assassinato, os dois suspeitos foram presos. Eles foram identificados como Moreira e Cabelão. Segundo informações, Cabelão admitiu aos policiais que pilotava a motocicleta. Ele foi solto após a audiência.

Durante a sessão na Assembleia Legislativa de Alagoas, o deputado estadual cabo Bebeto disse, nesta terça-feira (24), criticou a soltura dele.

“Que país desmoralizado esse. Que Justiça desmoralizada essa. Réu-confesso na participação desse homicídio e foi colocado em liberdade. O crime compensa no Brasil. Tem muito homem de bem que está preso e não consegue ter liberdade, mas o vagabundo tem o prazer de ter liberdade aqui. É um absurdo!”, enfatizou.

*Com informações CadaMinuto

Continuar Lendo

Pernambuco

Polícia Civil faz operação contra esquema de criação de sites falsos de leilão virtual de veículos

Ação foi deflagrada na manhã desta terça-feira (24). De acordo com a polícia, foram emitidos 14 mandados de busca e apreensão domiciliar no Recife e em Jaboatão dos Guararapes.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Flávio Santana Araújo/Ascom PCPE)

A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta terça-feira (24), a operação Arremate, que teve como alvo uma quadrilha que criava sites falsos de leilão virtual de veículos. Segundo a polícia, os integrantes são investigados pelos crimes de lavagem de dinheiro, estelionato e falsidade ideológica.

Foram emitidos 14 mandados de busca e apreensão domiciliar para endereços nas cidades do Recife e de Jaboatão dos Guararapes, todos expedidos pela 10ª Vara Criminal da Capital.

De acordo com a polícia, as investigações tiveram início em maio deste ano, sob responsabilidade do delegado de Repressão aos Crimes Cibernéticos, Eronides Meneses Júnior, buscando identificar os integrantes do esquema criminoso.

A Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco (Dintel) também apoiou os investigadores. Ao todo, na ação desta terça-feira, foram empregados 75 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.

Os materiais apreendidos foram encaminhados para a sede do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco), localizado na Zona Oeste do Recife.

A comunicação da Polícia Civil informou, em nota, que detalhes da operação devem ser divulgados em coletiva de imprensa ainda nesta terça.

Alertas

Em outubro, a Receita Federal alertou para uma página irregular que usava o logotipo da instituição e oferece mercadorias supostamente apreendidas, simulando o Sistema de Leilão Eletrônico (SLE) oficial. Na ocasião, o delegado Eronides Meses orientou sobre como verificar se um leilão é autêntico e outras medidas de segurança.

Segundo a Associação da Leiloaria Oficial do Brasil, desde março, surgiram, por dia, três novos sites falsos de leilões. A entidade afirmou que foi criado até um selo “Leilão Seguro”, para tentar evitar os golpes.

*Com informações G1

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.