Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Pernambuco registra menor número de casos confirmados de Covid-19 em 24h desde 8 de abril

É o menor número confirmado em 24 horas desde o dia 8 de abril, quando o Estado havia confirmado 49 casos.

Marcelo Passos

Publicado


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, neste domingo (27), 76 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 24 (31,6%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 52 (68,4%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar. Agora, Pernambuco totaliza 145.016 casos confirmados, sendo 26.222 graves e 118.794 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 126.916 pacientes recuperados da doença. Destes, 16.470 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 110.446 eram casos leves.

Também foram confirmados laboratorialmente 18 óbitos (sendo 10 do sexo feminino e 8 do sexo masculino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Bezerros (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Camaragibe (1), Caruaru (3), Goiana (1), Igarassu (2), Itambé (1), Petrolina (1), Quipapá (1), São Lourenço da Mata (1), São Vicente Ferrer (2), Timbaúba (1), Toritama (1) e Vitória de Santo Antão (1). Com isso, o Estado totaliza 8.174 mortes pela doença.

Do total de mortes do informe de hoje, apenas duas (11,1%) ocorreram neste mês de setembro. Oos outros 16 óbitos (88,9%) aconteceram entre 08/05 e 12/08.

Os pacientes tinham idades entre 21 e 90 anos. As faixas etárias são: 20 a 29 (1), 60 a 69 (5), 70 a 79 (5), 80 anos ou mais (7). Dos 18 pacientes que vieram a óbito, 10 apresentavam comorbidades confirmadas: doença cardiovascular (6), diabetes (3), hipertensão (2), doença respiratória (2), câncer (1), doença neurológica (1), imunossupressão (1) e doença de Alzheimer (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Um não tinha comorbidades e os demais estão em investigação.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 21.777 casos foram confirmados e 36.025 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Governo de Pernambuco foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar e afastar os profissionais da área da saúde com sintomas gripais.

Brasil

Anvisa aprova uso emergencial de vacina de Oxford e da Coronavac

Ainda faltam os votos de outros dois diretores. A reunião que segue em andamento.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução)

O diretor da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) Alex Machado Campos, terceiro a votar na análise de liberação de uso emergencial das vacinas de Oxford/AstraZeneca e da Coronavac neste domingo (17), deu parecer favorável à utilização emergencial dos imunizantes no país. Com a decisão, as vacinas poderão ser aplicadas na população brasileira.

Para a liberação do uso emergencial dos imunizantes eram necessários três votos dos cinco possíveis na diretoria da Anvisa. Antes, Romison Rodrigues Mota e Meiruze Freitas, relatora da solicitação, já haviam dado o parecer favorável; mais dois diretores apresentarão suas análises.

A diretora da Anvisa Meiruze Freitas, relatora dos pedidos de uso emergencial das vacinas, foi a primeira a votar neste domingo, e deu parecer favorável à aprovação do uso emergencial temporário dos imunizantes.

“Ressalvadas algumas incertezas pelo estágio das vacinas em desenvolvimento, os benefícios das duas candidatas superam os riscos e ambas atendem os critérios de eficácia e segurança”

Meiruze Freitas, diretora da Anvisa e relatora da análise dos pedidos. Ainda faltam os votos de outros dois diretores. A reunião que segue em andamento.

Os votos seguiram as recomendações de três áreas técnicas da Anvisa: a Gerência-Geral de Medicamentos, a Coordenação de Inspeção e Fiscalização de Insumos Farmacêuticos e a Gerência-Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária.

Em suas recomendações, as áreas técnicas afirmam que aprovaram o uso, mas que será preciso acompanhar a evolução das duas vacinas.

Análise da eficácia das vacinas

O gerente-geral de Medicamentos e Produtos Biológicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Gustavo Mendes, disse que, apesar da falta de dados sobre as vacinas, o uso das mesmas teria benefícios pelo estágio da pandemia no Brasil e ausência de uma alternativa terapêutica contra a Covid-19.

A área técnica do órgão regulador recomendou neste domingo a aprovação do uso emergencial das duas vacinas. Nos dois casos, a recomendação foi para aprovação com monitoramento das “incertezas e reavaliação periódica” dos dados o imunizante.

A eficácia geral da vacina de Oxford/AstraZeneca é de 70,42%, calculou a agência. O dado considera mais de uma forma de aplicação e intervalo entre doses. No Brasil, com duas doses, a eficácia ficou em 62%. No caso da Coronavac, a eficácia calculada é de 50,39%.

Mendes apontou ainda uma série de lacunas de dados para comprovar que o produto importado da Índia é equivalente ao que a AstraZeneca pretende, no futuro, registrar no Brasil. “Pode constituir produtos diferentes, ainda que possuam categorias similares”, disse.

Mendes afirmou também que há dúvidas sobre a eficácia dos imunizantes na população acima de 65 anos e sobre resultados do uso de doses mais baixas ou da aplicação de apenas uma dose.

Mendes ainda afirmou que os dados não permitem conclusões sobre a eficácia na forma mais grave da doenças. “Existe tendência favorável à proteção, mas precisamos acompanhar mais de perto.”

*Com informações do Estadão Conteúdo

Continuar Lendo

Cotidiano

Policial militar comete suicídio após matar homem a tiros no Agreste

O PM estava bebendo com os amigos e teria assassinado a vítima usando a própria arma.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

Um policial militar cometeu suicídio depois de matar um homem a tiros na tarde do último sábado (16), na cidade de Camocim de São Félix, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a polícia, o PM tinha 24 anos e estaria bebendo com os amigos no Bairro Novo.

As testemunhas informaram à polícia que o policial militar teria ido ao banheiro da casa em que estava com os amigos e, ao retornar, atirou com a própria arma na vítima, de 37 anos. Em seguira, o PM se dirigiu até a cozinha e tirou a própria vida.

Investigação

A Polícia Civil foi chamada para atender à ocorrência junto ao Instituto de Criminalística (IC). Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru.

A causa do ocorrido ainda é desconhecida e a polícia deve investigar o caso. Familiares do PM chegaram a afirmar que ele estava apresentando sintomas de início de depressão.

*Com informações NE10 Interior.

Continuar Lendo

Cotidiano

Prefeito do Recife, João Campos, testa positivo para Covid-19

O chefe do executivo municipal relatou que desde o início da pandemia vem realizando periodicamente testes para diagnosticar o coronavírus.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução)

O prefeito do Recife, João Campos, anunciou em suas redes sociais que testou positivo para a Covid-19. Através de um vídeo divulgado no sábado (16), o gestor afirma que está assintomático e permanece em isolamento na sua residência.

O chefe do executivo municipal relatou que desde o início da pandemia vem realizando periodicamente testes para diagnosticar o coronavírus. Na sexta-feira (15), João Campos fez mais um exame que, segundo ele, deu negativo, mas a contraprova, realizada neste sábado, deu positivo.

“Ao longo da pandemia, eu fiz vários exames para testar o coronavírus. Todos deram negativo, nunca apresentei sintomas ao longo desse período inteiro. Ontem eu fiz mais um, deu negativo, e a contraprova, de hoje, deu positivo. Então, eu testei positivo para coronavírus, estou sem sintomas, estou bem, estou isolado em casa e vou seguir assim pelos próximos dias, seguindo as recomendações médicas”, disse.

Nessa sexta-feira (15), a deputada federal Tábata Amaral também divulgou em suas redes sociais que testou positivo para Covid-19. Tábata é noiva de João Campos e acompanhou de perto toda a campanha para a prefeitura do Recife. “Estou bem e em casa, respeitando todas as recomendações médicas e de isolamento, e também cancelei as próximas agendas presenciais”, compartilhou a deputada em seu Twitter.

No vídeo publicado em seu Instagram, João Campos também comentou sobre a campanha de vacinação contra a Covid-19 no Recife. Ele afirmou que “na próxima semana a cidade estará pronta” para vacinar a população, esperando apenas “o Ministério da Saúde mandar as vacinas. “Nossa infraestrutura já está toda pronta”, disse.

Covid em Pernambuco

No sábado (16) o estado confirmou mais 1.450 novos casos da Covid-19 e mais 29 mortes. Com isso, Pernambuco totaliza 240.605 casos confirmados e 9.993 mortes pela Covid-19, espalhadas pelos 184 municípios pernambucanos.

*Com informações Diário de Pernambuco.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.