Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Sairé ainda não sabe real efeito de rompimento da barragem

Cidade aguarda o resultado das equipes técnicas para descobrir os números exatos do alagamento

Avatar

Publicado

Após rompimento de barragem Guilherme Pontes, em Sairé, no Agreste pernambucano, na segunda-feira (15), a cidade ainda não sabe o real dano na população. Nas últimas 72 horas, as chuvas atingiram mais de 100% do volume esperado para o mês de junho.

“Estamos levantando os danos que aconteceram e os mais afetados. Nós sabemos que os ribeirinhos, que ficam às margens do rio Sirinhaém, sofreram, mas não temos catalogados os números, ainda. Na cidade, está tranquilo, mas as vias de acesso para Gravatá e Guabiraba foram danificadas. A cidade está ilhada em sentido as zonas rurais, mas as prefeituras já estão com as máquinas trabalhando para que esse acesso seja liberado. As equipes técnicas vão até a zona rural para ver o prejuízo que realmente aconteceu”, disse diretor de Turismo, Gilmar Pontes.

[veja_tambem]

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Governo Bolsonaro gastou mais de R$ 15 milhões com leite condensado em 2020

Dados mostram que o Executivo gastou R$ 1,8 bilhão com compras de supermercado no último ano.

Redação PortalPE10

Publicado

Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Agência Reuters)

Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Agência Reuters)

Com base no Painel de Compras, do Ministério da Economia, o Governo Bolsonaro gastou R$ 15.641.777,49 com compras de leite condensado em 2020. Os dados foram divulgados pelo portal Metrópoles no último domingo (25).

Em 2019, os gastos com leite condensado foram ainda maiores: R$ 26 milhões. Ainda de acordo com o levantamento, o Executivo Federal gastou aproximados R$ 1,8 bilhão em compras de supermercado no último ano, o que representa um aumento de 20%.

Outros gastos

Os dados levantados mostram ainda que gastos com outros itens também chamam a atenção. Foram gastos R$ 16,5 milhões em batata frita embalada, R$ 13,4 milhões em barrinhas de cereal, R$ 12,4 milhões em ervilha em conserva, R$ 21,4 milhões em iogurte natural. O Governo gastou ainda R$ 2.203.681 com goma de mascar.

Continuar Lendo

Cotidiano

Paulo Câmara anuncia calendário de pagamento do 13º do Bolsa Família de Pernambuco

Em seu segundo ano de execução, a parcela extra do programa injetará R$ 154 milhões na economia do Estado.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Aluísio Moreira/SEI)

O governador Paulo Câmara anunciou, nesta terça-feira (26.01), em cerimônia com transmissão online, o calendário do segundo pagamento do 13º do Bolsa Família de Pernambuco, que terá início no dia 11 de fevereiro. Conforme o cronograma do programa estadual, os pagamentos referentes ao ano de 2020 ocorrerão nos meses de fevereiro, março e abril, de acordo com a data de aniversário do beneficiário, e vão injetar R$ 154 milhões na economia do Estado. Em 2020, o programa disponibilizou R$ 154.606.815,27 para 1.190.295 famílias, que receberam as parcelas extras também em três etapas.

“É sempre um momento de muita satisfação poder, no início de um ano tão desafiador, ter a oportunidade de cumprir esse compromisso com os pernambucanos. O 13º do Bolsa Família de Pernambuco é a contribuição do nosso governo para buscar efetivamente dar uma renda extra à população mais pobre do nosso Estado. Diferentemente do programa do Governo Federal, que só durou um ano, aqui em Pernambuco nós entendemos a importância da manutenção desse programa. Principalmente em um ano de pandemia, em que as pessoas tiveram que fazer restrições severas”, afirmou Paulo Câmara.

Embora este seja o segundo ano de execução do programa estadual, o governador reforçou que continuará vigilante no trabalho em favor dos mais vulneráveis. “Não podemos deixar que as políticas de assistência diminuam. Vamos continuar trabalhando por um Pernambuco mais justo, menos desigual”, destacou.

O primeiro grupo de beneficiários, que contempla os aniversariantes dos meses de janeiro, fevereiro, março e abril, começa a receber o pagamento no próximo dia 11 de fevereiro. A disponibilização da parcela extra, que pode chegar até R$ 150,00, será feita de acordo com o final do Número de Identificação Social (NIS) do usuário, começando com os de final UM (1) no dia 11 e seguindo até o dia 26 de fevereiro.

Já os aniversariantes de maio, junho, julho e agosto começam a receber o pagamento do 13º do Bolsa Família de Pernambuco no dia 18 de março (com final do NIS um). Esta etapa segue até o dia 31 de março. O mês de abril vai beneficiar quem completa aniversário nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, sendo iniciado o pagamento no dia 16 e seguindo até o dia 30, conforme o final do NIS do beneficiário.

O pagamento da 13ª parcela do Bolsa Família de Pernambuco será realizado nos mesmos locais e com o cartão já utilizado pelo beneficiário, e só terá direito à parcela extra quem recebeu o Bolsa Família durante pelo menos metade dos meses do período de apuração, intercalado ou em meses seguidos.

O secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes, reforçou a importância do programa, sobretudo em um momento difícil como este, devido à pandemia e à crise econômica já instalada. “Essa é uma demonstração do compromisso do governador Paulo Câmara. Nesse momento difícil, encontramos no Governo de Pernambuco um braço amigo ara atender a população mais vulnerável do Estado, garantindo a proteção social das pessoas mais pobres”, disse. Além de Sileno Guedes, participaram da solenidade a vice-governadora Luciana Santos e o secretário estadual da Fazenda, Décio Padilha.

CONSULTA – A Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude já está disponibilizando uma plataforma para que os beneficiários do programa possam conferir quanto irão receber do benefício estadual. O acesso é rápido e demanda apenas o Número de Identificação Social (NIS), que pode ser conferido nos cartões do Bolsa Família, e a data do nascimento do titular. O link de acesso é: http://www.sdscj.pe.gov.br. Para dúvidas e esclarecimentos, a população poderá utilizar o serviço da Ouvidoria Social, no telefone 0800.0814421, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Continuar Lendo

Cotidiano

Com mais 2.124 casos da Covid-19 e 22 óbitos, Pernambuco totaliza 253.415 infectados e 10.222 mortes

Com os números divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde nesta terça-feira (26), estado chegou a 30.800 casos graves e 222.615 quadros leves da doença.

PortalPE10 com informações G1

Publicado

(Foto: Governo de Pernambuco/Divulgação)

Com mais 2.124 casos da Covid-19 e 22 óbitos registrados no estado nesta terça-feira (26), Pernambuco passou a totalizar 253.415 infectados pelo novo coronavírus e 10.222 mortes causadas pela doença na pandemia. Os dados são contabilizados desde março de 2020.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informou que os novos registros no estado incluem 79 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 2.045 quadros leves da Covid-19. Com isso, Pernambuco chegou a 30.800 pacientes graves e 222.615 leves.

Com relação aos 22 óbitos, eles aconteceram entre o dia 12 de janeiro e a segunda-feira (25). “Os detalhes epidemiológicos serão repassados ao longo do dia pela Secretaria Estadual de Saúde”, informou o governo de Pernambuco, em nota.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.