Nos siga nas redes sociais

Brasil

São Paulo receberá 5 milhões de doses de CoronaVac já em outubro

Marcelo Passos

Publicado

Foto: Divulgação/Governo de São Paulo

O anúncio foi feito pelo governador do estado, João Doria, via Facebook, neste domingo (20). 

O estado de São Paulo deve receber, já em outubro, 5 milhões de doses da vacina CoronaVac, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech. O anúncio foi feito pelo governador do estado, João Doria, via Facebook, neste domingo (20).

Segundo Doria, a previsão é de que haja 46 milhões de doses até dezembro. Conforme explica na postagem, a ampliação de vacinas será possível em virtude da transferência de tecnologia da farmacêutica para o instituto, que passará a produzir o imunizante.

Na última segunda-feira (14), o governo estadual informou que o instituto irá iniciar, em novembro, obras para ampliar sua estrutura física, a fim de acelerar a produção de vacinas. A expectativa do governo paulista é que a reforma seja finalizada ainda neste mês.

A CoronaVac já está na fase 3 de testes em humanos. Os testes, de responsabilidade do Instituto Butantan, começaram a ser feitos no Brasil em julho e serão aplicados em 9 mil voluntários. A testagem foi organizada a partir de 12 centros de pesquisas, localizados em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

Brasil

Dupla de TikTokers de 13 e 19 anos desmente namoro após web alertar sobre pedofilia

Dupla de TikTokers de 13 e 19 anos desmente namoro após web alertar sobre pedofilia

Marcelo Passos

Publicado

O TikToker Pietro Riguengo, de 19 anos, entrou para os assuntos mais comentados no Twitter nesta segunda-feira (26) depois de assumir relacionamento com uma menina de 13 anos, também conhecida por fazer vídeos publicados na plataforma. Após a repercussão, os dois desmentiram o namoro e afirmaram ser apenas uma brincadeira.

Em um primeiro vídeo, os dois confirmaram o namoro e afirmaram ter o consentimento da família. “Estamos namorando e muito felizes. Nossos pais sabem e autorizam nosso namoro, toda a família sabe. Eu quero e autorizo nosso namoro”, disse a menina. “Estou 100% ciente do tempo da [nome da menina] e vou respeitar isso”, completou Pietro.

Os dois chegaram a publicar vídeos em que se beijam.

Internet critica namoro de menina de 12 anos com rapaz de 19: ‘É crime’

Antes de revelarem que o namoro não é verdade, a mãe da menina, Priscilla Lomovtov, se pronunciou e disse que estavam “preparados para esse ataque, mas para quem gosta da gente, fiquem tranquilos. Eles estão muito bem e mais felizes que nunca”, disse.

Já nesta tarde, os dois publicaram uma nova gravação em que contam ter sido apenas uma brincadeira. “Era uma trollagem. Como vocês acreditaram nisso? Todo mundo que acompanha o canal sabe que a gente tem uma relação de irmãos, a gente se respeita muito”, disseram.

No TikTok, os dois chegaram a ter 1,3 milhão de seguidores.

Repercussão

Mais cedo diversos internautas criticaram o relacionamento por conta das idades. “Pedofilia não é opinião. Não existe relação consensual entre um homem de dezenove anos e uma criança de doze. É crime, não é amor. Tem gente romantizando só porque ele é novo e bonitinho, pedofilo não é só um tiozinho com uma jovem não”, comentou um perfil.

Legislação

O Código Penal Brasileiro considera crime “ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso” com menores de 14 anos, com pena prevista de 8 a 15 anos de prisão.

 

Continuar Lendo

Brasil

Bolsonaro diz que juiz não pode decidir sobre obrigatoriedade de vacina para Covid-19

Declaração vem após presidente do STF afirmar ver com bons olhos Justiça entrar na discussão e tomar uma decisão a respeito

Marcelo Passos

Publicado

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que não entende a “pressa” no desenvolvimento da vacina contra o novo coronavírus. Citando a hidroxicloroquina, Bolsonaro também questionou apoiadores se não seria mais fácil e barato “investir na cura do que na vacina”. A substância mencionada pelo presidente, no entanto, não tem eficácia contra a Covid-19 comprovada cientificamente.

— O que nós queremos é buscar a solução para o caso. Agora, pelo que tudo indica, a vacina que menos demorou até hoje foram quatro anos, eu não sei porque correr em cima dessa — disse, acrescentando:

— Eu dou minha opinião pessoal: não é mais fácil e barato investir na cura do que na vacina? Ou jogar nas duas, mas também não esquecer da cura? Eu, por exemplo, sou uma testemunha [da cura]. Eu tomei a hidroxicloroquina, outros tomaram a ivermectina, outros tomaram annita e deu certo — afirmou.

Bolsonaro afirmou que o governo não “quer atropelar” a discussão sobre a vacina e comprar uma substância sem “comprovação” científica. Ele disse que espera a publicação dos resultados dos imunizantes desenvolvidos contra a Covid-19 em uma revista científica, para tomar uma decisão.

— Hoje vou encontrar com o ministro Pazuello da Saúde para tratar desse assunto, porque temos uma jornada pela frente, onde parece que foi judicializada essa questão, e entendo que essa não é uma questão de Justiça, é uma questão de saúde acima de tudo, não pode um juiz decidir se você pode ou não tomar vacina, isso não existe — afirmou.

O presidente tem se posicionado contrário a obrigatoriedade da vacina contra o novo coronavírus, principalmente após o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciar que a imunização vai ser obrigatória no estado.

Continuar Lendo

Brasil

Polícia encontra relatório com 30 músicas inéditas de Renato Russo durante Operação Será

Polícia faz busca por músicas inéditas de Renato Russo no Rio

PortalPE10 com informações UOL

Publicado

Policiais fizeram busca e apreensão de HDs e cartuchos de gravação Foto: Gabriel Monteiro / Extra

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra Propriedade Imaterial (DRCPIM) apreenderam, nesta segunda-feira, dia 26, um relatório que dá conta da existência de pelo menos 30 músicas em versões inéditas gravadas pelo cantor Renato Russo, morto em 1996. O material foi encontrado pelos agentes durante a Operação Será, deflagrada nesta manhã, em cumprimento de mandados de busca e apreensão em dois estúdios de gravação e na residência de um produtor musica, no Centro e na Zona Sul do Rio. No material apreendido, há novas versões de sucessos gravados pela banda Legião Urbana.

O caso começou a ser investigado há um ano, quando Giuliani Manfredini, filho de Renato Russo e detentor dos direitos autorais do pai, procurou a especializada para denunciar que um dono de um perfil fake nas redes sociais mencionava a existência de obras inéditas de Renato Russo. A Polícia Civil localizou quem estava por trás do perfil e apurou que ele havia entrado em contato com um produtor musical.

Nesta segunda- feira, o delegado Maurício Demétrio, que investiga crime de violação de direitos autorais, deflagrou uma operação para cumprir os mandados de busca e apreensão expedidos pela Justica. Além do relatório das versões inéditas também foram apreendidos HDs e cartuchos de gravação.

— Há indícios de que a denúncia feita pelo filho de Renato Russo estava correta e que há mesmo versões de músicas inéditas. Vamos agora analisar este material. Foi importante diligência realizada hoje. Foi possível arrecadar elementos de provas cruciais para a continuidade da investigação e esclarecimento total dos fatos — disse o delegado.

A Polícia Civil apreendeu HDs e cartuchos de gravação de possíveis novas músicas de Renato Russo Foto: Divulgação / Pcerj

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.