Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Veja como funciona o Street Bump, aplicativo que identifica buracos nas ruas

O vídeo abaixo mostra como o aplicativo funciona.

Avatar

Publicado

No Reino Unido o motorista pode identificar a localização exata de um buraco e reportar o problema diretamente à prefeitura (conselhos municipais por lá). O vídeo acima mostra como o aplicativo funciona.E no Brasil daria certo esse sistema ?

Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cotidiano

Anitta é ‘cancelada’ após ser flagrada sem máscara em festa

Web também critica cantora por jogar dólares para o alto em meio à calamidade em Manaus.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução)

A cantora Anitta foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter após ser flagrada sem máscara atirando dinheiro para o alto em meio a um clube de stripper na madrugada deste sábado (16). A artista estava acompanhada do rapper Tyga, ex-namorado de Kylie Jenner, cercada por mulheres seminuas dançando sobre vários dólares espalhados sobre o chão.

O vídeo foi compartilhado pelo músico norte-americano e viralizou nas redes sociais. A funkeira foi “cancelada” pela incoerência de seu discurso sobre a pandemia da Covid-19.

Internautas questionam não apenas a falta do uso da máscara, mas sua atitude de jogar dinheiro para o alto enquanto muitos artistas têm se mobilizado para auxiliar Manaus, que vive estado de calamidade devido ao vírus da Covid-19.

– Estava começando a enxergar a Anitta com outros olhos, mas vamos combinar que mandar um “governo faça alguma coisa” e um dia depois estar jogando dinheiro pro alto com o Tyga é a gota d’água – escreveu Paulete, uma usuária do Twitter.

Alguns fãs, no entanto, optaram por defender a cantora.

– E a Anitta sendo mais uma vez cancelada porque estava numa boate com o Tyga. Gente vocês não cansam não? Monte de macho do meio sertanejo fazendo m**** todo santo dia, mas vocês insistem em atacar ela. Mulher que veio da favela cantando funk. Preciso nem dizer mais – escreveu Mateus, admirador da artista.

*Com informações PlenoNews.

Continuar Lendo

Cotidiano

Globo é condenada a indenizar participante do Caldeirão

Vânia Ibraim de Oliveira disse que não recebeu todos os prêmios prometidos.

Redação PortalPE10

Publicado

(Foto: Reprodução/Globo)

A Globo terá que pagar R$ 30 mil de indenização por danos morais e mais um salário de R$ 1,9 mil à manicure Vânia Ibraim de Oliveira. A condenação é resultado de uma ação movida por Vânia, que disse não ter recebido todos os prêmios prometidos pelo programa Caldeirão do Huck. As informações são do site Notícias da TV.

A manicure participou da atração em dezembro de 2012. Na época, foi prometido que ela receberia uma moto reformada e outras duas motos novas, além do pagamento de salário enquanto estivesse realizando o treinamento de empreendedorismo. Também tinha sido acordado o pagamento de R$ 30 mil de capital de giro, o recebimento de um veículo Saveiro, dois laptops, um trailer itinerante para o atendimento de clientes, abertura da empresa e obtenção das licenças necessárias, bem como a elaboração do site e de toda a identidade visual da empresa.

A decisão que determinou a indenização foi decretada pelo desembargador Nagib Slaibi, relator do processo na 6ª Câmara Cível do Rio de Janeiro. Ele considerou que, embora os termos não apareçam no contrato dela com a Globo, promessas de deixar a empresa de Vânia funcionando partiram do apresentador Luciano Huck.

– Forçoso concluir que os termos do contrato devem levar em conta, também, o que foi prometido em cadeia nacional de televisão, tanto pela credibilidade que ostenta o veículo de comunicação envolvido como pelo fato de que a participante é uma pessoa humilde, com clara hipossuficiência econômica e de conhecimentos sobre o que iria ser alterado em sua vida – escreveu Slaibi.

*Com informações PlenoNews.

Continuar Lendo

Cotidiano

Mais de 2,8 mil candidatos devem fazer a prova do Enem nesse domingo, em Palmares

Provas serão aplicadas nos dois próximos domingos.

Redação PortalPE10

Publicado

Sala de aula – Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começa a ser aplicado neste domingo (17). O Enem 2020 terá uma versão impressa, nos dias 17 e 24 de janeiro, e uma digital, realizada de forma piloto para 96 mil candidatos, nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Ao todo, cerca de 5,8 milhões de estudantes estão inscritos para fazer as provas. No município de Palmares, que fica na zona da Mata Sul de Pernambuco, 2.853 candidatos se inscreveram para as provas.

Neste ano, além do documento oficial de identificação com foto e da caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente, itens obrigatórios também nos exames anteriores, a máscara de proteção facial passa a integrar essa lista. Os participantes que não estiverem com máscara de proteção facial não poderão ingressar nos locais de prova.

A lista de documentos aceitos está disponível na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Entre eles estão a Carteira de Identidade, a CNH, o passaporte e a Carteira de Trabalho emitida após 27 de janeiro de 1997.

Embora não seja obrigatório, é recomendado que os participantes levem também pelo menos uma máscara extra para trocar durante a prova. Haverá nos locais de prova álcool em gel para que os estudantes higienizam as mãos, mas é permitido que os participantes levem seu próprio produto caso desejem.

Como se trata de uma prova longa, também é recomendado que os participantes levem lanche e água e/ou outras bebidas, com exceção de bebidas alcoólicas que não são permitidas e podem levar à eliminação do candidato. É recomendado também que se leve no dia do exame o Cartão de Confirmação da Inscrição. Nele está, entre outras informações, o local de prova. O cartão pode ser acessado na Página do Participante.

Caso necessitem comprovar que participaram do exame, os estudantes podem, também na Página do Participante, imprimir a Declaração de Comparecimento para cada dia de prova, informando o CPF e a senha. A declaração deve ser apresentada ao aplicador na porta da sala em cada um dos dias. Ela serve, por exemplo, para justificar a falta ao trabalho.

Enem na pandemia

As medidas de segurança adotadas em relação à pandemia do novo coronavírus serão as mesmas tanto no Enem impresso quanto no digital. Haverá, por exemplo, um número reduzido de estudantes por sala, para garantir o distanciamento entre os participantes. Durante todo o tempo de realização da prova, os candidatos estarão obrigados a usar máscaras de proteção da forma correta, tapando o nariz e a boca, sob pena de serem eliminados do exame. Além disso, o álcool em gel estará disponível em todos os locais de aplicação.

Quem for diagnosticado com covid-19, ou apresentar sintomas dessa ou de outras doenças infectocontagiosas até a data do exame, não deverá comparecer ao local de prova e sim entrar em contato com o Inep pela Página do Participante, ou pelo telefone 0800-616161, e terá direito a fazer a prova na data de reaplicação do Enem, nos dias 23 e 24 de fevereiro.

Locais de prova

Em Palmares, 9 locais entre escolas e faculdade foram preparados para as provas, são eles: Escola Ginásio Municipal de PalmaRes, Escola Dr. Pedro Afonso de Medeiros, Escola Maquinista Amaro Monteiro, Escola Estadual Galtemir Lins, Colégio Real, Colégio Realzinho, Escola Dimensão, Florence Palmares e Faculdade dos Palmaes (FAP).

A aplicação das provas é simultânea em todo o país, seguindo o horário de Brasília. Os portões dos locais de aplicação dos testes serão abertos às 11h30 (horário de Brasília), e fechados às 13 h – meia-hora antes do início das provas.

O exame conta com uma redação e 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

Continuar Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2013 - 2020 PortalPE10. Todos os direitos reservados.